Compartilha de Liquidez entre França e Itália?

França e Itália
Sharelines
  • Compartilha de Liquidez entre França e Itália?

Na semana passada, o senado Francês aprovou alterações que permitem ao operadores do mercado francês compartilhar liquidez com outros países com um "nível similar de regulamentação".

Apesar de ainda faltar muito para que isso se torne realidade, este é um passo importante para a indústria do poker. Os operadores europeus têm lutado contra os altos impostos, licenças e mercados segregados que constituem hoje uma industria fragmentada, em que os operadores relatam o declínio de receitas todos os trimestres.

A liquidez compartilhada têm sido falada ao longo dos anos em Espanha, França e Itália mas nunca foram dados passos em frente nesse sentido. Agora, com as alterações implementadas nas leis francesas parece que o caminho para a liquidez partilhada está mais perto.

Itália pode ser o primeiro país a fazer o acordo para partilhar liquidez com a França. Os dois países têm uma regulamentação bastante próxima sobre os jogos online e apostas. Se isso viesse a ocorrer, os dois países partilhariam os jogadores e o mercado ficaria certamente diferente.

Como seria esse mercado? E quais os grandes vencedores?

Bom, o mercado francês não é só o maior mercado regulamentado online, como também é o mais competitivo. Em média os 4 operadores contemplam 2,500 jogadores de cash games.

A maior parte joga na Winamax, que detém aproximadamente 1100 desses jogadores. A Pokerstars não fica muito atrás com 800. A PartyPoker e a iPoker também têm tráfego suficiente para se manterem activas. A PartyPoker tem cerca de 400 jogadores regulares e a iPoker conta com 250.

Já o mercado italiano não é muito diferente. Apesar de mais pequeno, conta com uma média de 2,000 jogadores de cash nas mesas online. Aqui a PokerStars domina e detém metade do mercado. Já a segunda maior fatia é partilha entre a rede iPoker e a italiana People's Network, rede Microgame. Ambas detêm em média 300 jogadores de cash games. A PartyPoker (150), rede Ongame (100) e Poker Club Italia (100) são outros operadores que sobrevivem no mercado.

Tráfego Combinado

Na tabela abaixo apresentamos a presença de cada operador nos dois países, baseado no movimento nas mesas de cash em 30 dias (valores arredondados ao 50 mais próximo, cortesia PokerScout).

Rede/SalaFrançaItáliaCombinado
PokerStars80010001800
Winamax1100 1100
iPoker250300550
Partypoker400100500
People’s 300300
Ongame 150150
Poker Club Italia 100100

Como é fácil observar, o maior beneficiário desta fusão de mercados seria a PokerStars. A PokerStars.FR+IT tornar-se-ia líder do mercado combinado e ficaria quase do tamanho da 888poker, segunda maior operadora mundial.

Noticias já dão conta de a Winamax querer operar em Itália. A operadora francesa tem um dos melhores softwares do mercado e o seu site é creditado. Os jogadores mostram-se bastante contentes com muitas das inovações da sala e tentar entrar no mercado antes da provável partilha de liquidez poderia consolidar a sala no mercado mundial.

A rede iPoker também iria sair beneficiada da partilha. Os 550 jogadores já alcançados são metade do valor da rede no domínio .com. A entrada de outras salas da rede em ambos os países poderia ajudar ainda a que esse valor aumentasse.

O mesmo parece também acontecer com a PartyPoker, o único operador independente além da PokerStars. A capacidade de se manter a funcionar nos mercados que deseja (em Espanha o tráfego é quase zero) pode ser uma mais valia quando as fronteiras abrirem.

Para terminar só falta mesmo falarmos da 888poker. A sala tentou entrar no mercado francês juntamente com a Microgaming em 2010 e a experiência não teve os resultados esperados. Em Itália nunca chegou a tentar entrar no mercado.

O regresso a estes países faz sentido para a 888poker. Basta ver o caso espanhol para perceber que a sala também pode ter sucesso em mercados fechados. Têm em média 250-300 jogadores de cash e é a segunda maior sala do mercado. A compartilha de liquidez poderia ser um atractivo grande para a 888poker considerar regressar a estes mercados.

Recebe todas as notícias da PokerNews através das redes sociais. Segue-nos no Twitter e no Facebook!

Mais notícias

O que pensas?