Agora ao vivo
PokerStars Championship Barcelona

Pro Blogs: Saber Esperar por Alec Torelli

  • Alec TorelliAlec TorelliDuarte RealDuarte Real
Pro Blogs: Saber Esperar por Alec Torelli 0001

O último blog de Alec Torelli foca as longas sessões de poker e quando devemos abandonar o jogo.

Uma história Pessoal: Uma Sessão Interminável

Era Sábado à tarde quando finalmente desisti. Sessenta e oito horas atrás tinha iniciado um jogo sem nunca imaginar que poderia ganhar mais que umas centenas de dólares numa sessão. Também nunca imaginei ser possível sentir-me tão cansado — exausto ao ponto de estar iludido. Simplesmente não conseguia continuar. Quando estava a sair da sala de poker olhei para trás e eles continuavam a jogar.

O que eu estava a tentar fazer era impossível. Estava a tentar derrotar um jogo que não podia ser derrotado. Aprendi qualquer coisa nesse dia.

Tu podes ganhar dinheiro no poker mas não podes vencer o poker.

Vencer significa que tens que levar mais dinheiro do que o que trouxeste. Ganhar o jogo significa que de alguma forma o vais vencer.

O que diferencia o poker de um jogo de computador é que ele não tem fim, não tem conclusão. Na manhã seguinte, voltei à sala e havia caras novas mas o jogo continuava lá.

O Problema: Saber Quando Sair

É quando te sentes em altas, quando te sentes em baixo ou cansado, quando o jogo quebra ou o fish abandona o jogo que tu também sais? Dependendo das circunstâncias, nenhuma das acima. Tommy Angelo, autor do excelente livro The Element of Poker, diz: "Sair é fácil o difícil é manter-nos em pé."

O Motivo: Adoramos Jogar e Detestamos Perder

Quase sempre que desisto quero continuar a jogar. Vamos ser sinceros, nós adoramos jogar. A razão pela qual desistir é tão difícil é porque temos de aceitar que não podemos continuar a jogar. Torna-se particularmente difícil quando estamos a perder pois significa que aceitamos a derrota. O ego fica danificado e vamos fazer tudo o que é possível para evitarmos a dor temporária, mesmo que nos custe mais dinheiro.

Pro Blogs: Saber Esperar por Alec Torelli 101

As Opções

Quando Estás a Ganhar

Desisto várias vezes quando estou a ganhar mas por vezes, desisto exatamente por estar a ganhar. Se o dinheiro que estou a apostar é maior do que eu quero perder, eu paro. Se uma perda repentina altera ou afeta o meu estado de espírito e, possivelmente, me faz jogar pior no dia seguinte, eu paro.

Quando Estás a Perder

Esta significa luta! A vontade de "desencalhar", especialmente num jogo recheado, pode fazer com que aguentemos horas, mesmo dias. Infelizmente, é nesta altura que começamos a cavar a nossa própria cova. O nosso limite de perda deveria ser constantemente actualizado, e assim que passamos o limite começamos a descarrilar.

Parar as Perdas

Neste cenário, desistir quando estamos a perder merece mais atenção do que quando estamos a ganhar. Depois de ultrapassarmos o limite torna-se mais difícil discernir se as perdas se deve ao fato de estar a jogar mal ou se é má sorte. Mais especificamente, torna-se mais difícil ser disciplinado para jogar bem em pot pequenos.

Pro Blogs: Saber Esperar por Alec Torelli 102

Mas não ficamos por aqui. Quando estou enterrado entro em piloto automático e o meu jogo torna-se previsível. Digo frequentemente a mim mesmo: "OK está na altura de jogar mais tight por isso não percas mais." Neste estado, não estou a falhar mãos importantes mas sim a entregar oportunidades rentáveis para roubar pots ou a trocar a agressividade por passividade devido ao medo.

Lembra-te, basta um pequeno desvio do nosso A-game para vencermos ou sermos derrotados.

Ficares Fatigado

A minha hipótese é simples — perder significa jogar mal. Jogar mal custa-nos dinheiro. Perder é a altura perfeita para reforçarmos a disciplina.

Cépticos, considerem isto: Pode não fazer com que joguemos pior mas é seguro dizermos que não nos faz jogar melhor?

Uma outra razão para desistir enquanto se está a perder é a percepção do dinheiro que se altera e o jogador força o desenrolar da acção. Os pots pequenos começam a perder o valor e os pequenos erros irão custar imenso dinheiro. É provável que os pots grandes sejam jogados em situações marginais. No momento em que sentimos isso, está na hora de sairmos. Para ilustrar porquê, exploremos as duas situações possíveis neste cenário:

  • Resultado 1: Apanha um jogo mau e ganha! Agora, em vez de estares a perder com $15,000, diminuíste a tua perda para $10,000. Estou ligeiramente mais contente neste momento do que quando estava a perder $15,000 mas, mesmo assim, ainda continuo a ter um dia mau. É improvável que retorne ao meu A-game apesar da vitória me ter acalmado o suficiente para voltar ao B-game, uma melhoria significativa quando comparado ao C-game que estava a jogar anteriormente.

Se joguei o tempo suficiente para recuperar o dia não é muito relevante pois deveríamos analisar toda a carreira de poker como uma só sessão e avaliar cada decisão individualmente.

  • Resultado 2: Jogamos e Perdemos. Agora estamos com perdas de $20,000 e descarrilamos completamente. Se fizermos um rebuy, vai ser mau. Sabemos que devemos parar de imediato depois de sermos eliminados mas isso só acontece se estivermos a praticar uma boa disciplina, que não estamos! Ficarmos com $20,000 em perdas impede-nos de focar no jogo. Jogamos mais 20 minutos antes de nos acalmarmos e tomarmos a decisão de sairmos. Agora estamos a perder $21,700 e quase mais 100 big blinds. Naquele momento parece fácil mas a pior parte é que acabamos de perder um dia de trabalho (80 big blinds) num abrir e fechar de olhos. Brutal!

Pro Blogs: Saber Esperar por Alec Torelli 103

Está na hora de revermos os números. Digamos que o profissional de poker joga 250 sessão por ano. Ele espera perder 3 buy-ins em apenas uma fracção do tempo, talvez 30 dessas sessões. Dessas vezes, ele perde uma média de $1,000 (50 BBs) que não teria perdido caso tivesse saído mais cedo.

No final do ano correspondem a $30,000, uma renda anual de um apartamento topo em Las Vegas. Lembra-te, não perder é o mesmo que ganhar.

Para leres todos os meus blogs e conteúdos visita www.alectorelli.com. O teu feedback é importante para mim bem como a partilha de ideias. Faz-me perguntas ou deixa um comentário. Segue-me no Twitter em @AlecTorelli. Para outros assuntos, envia um mail para alectorelli@gmail.com.

Fica a saber todas as notícias através do Twitter e do Facebook para informações actualizadas ao minuto e faz um Like na nossa página!

*Fotografia principal, "Invalides de Guerre (1920)" por Otto Dix

Mais notícias

jogadores relacionados

O que pensas?