Agora ao vivo
PokerStars Championship Barcelona

Se Proibirem os HUD's Não Adianta Nada Chorar

caio pessagno
Sharelines
  • Se Proibirem os HUD's Não Adianta Nada Chorar

Como eu ressaltei na primeira parte desse post, não temos outra opção a não ser nos adaptar às mudanças nas regras do PokerStars.

Por exemplo, os HUDs. Nunca usei HUDs, todos vocês sabem disso. Aprendi sem os softwares de apoio e não sentia falta para realizar meu trabalho.

Mas comecei a perceber que, contra certos adversários, numa reta final, quando um único payjump pode ter uma influência grande no ROI, estava sendo menos competitivo por não usar o software. Passei a querer ter aquelas informações que os meus oponentes tinham sobre mim e sobre os outros jogadores da mesa. Eu não gostei da ideia, mas tive que aprender a usar.

Fiz aula com um dos maiores especialistas no assunto, meu amigo Francisco “chiconogue” Nogueira, e comecei a treinar e usar o software nas minhas retas. Deu trabalho, mas já estava começando a gostar daquela ajuda extra.

E se proibirem, esse trabalho foi em vão? Foi, mas ficar lamentando isso não adianta nada.

Se Proibirem os HUD's Não Adianta Nada Chorar 101

Como profissionais, precisamos trabalhar como uma empresa.

O que preciso fazer para manter a produtividade e lucratividade? Ou seja, o que preciso fazer pra continuar tendo ampla vantagem sobre o field?

Ué, não tem segredo: vou voltar a me basear em bons notes e em uma leitura apurada, como sempre fiz. Me aperfeiçoar e fazer com que meus notes sejam uma ferramenta precisa e minha leitura fique cada vez mais afiada. Enfim, evoluir em outras áreas para compensar a falta dos softwares.

Não dá pra negar que os softwares são uma vantagem e otimizam o trabalho do profissional. Tanto é que, enquanto for permitido usar, a maioria vai continuar usando. Justamente porque essa vantagem faz falta. A quantidade de reclamações de profissionais com a possível proibição do uso só deixa mais clara a vantagem em usar os softwares.

Por isso, é natural que os jogadores recreativos se sintam mais à vontade sabendo que não podemos usar essa ferramenta. E na era da internet e do Google, é ingenuidade nossa pensar que eles não sabem da existência dos HUDs.

Você acha que um recreativo não usa software de apoio? Se ele não usa é justamente porque joga pra se divertir, não pra ganhar a vida.

Mas então é anti-ético usar HUD? Se a regra permite, claro que não.

Mas essa discussão toda não leva a nada. Se os softwares forem proibidos, não importa o que cada um acha. A única coisa que importa que temos que encarar a realidade e trabalhar sem eles.

Pra mim vai ser mais simples, é verdade. Jogo MTT, nunca usei os HUDs e estou acostumado. Tem gente que depende muito mais deles para botar sua estratégia em prática. Esses jogadores vão ter que trabalhar mais pra se adaptar. Realmente, a curto prazo, eles vão ter o maior “prejuízo”. Mas só no curto prazo! E no poker, como a gente sabe, a única verdade é o longo prazo.

Os profissionais sempre terão edge sobre o field, com ou sem HUD. Se trabalharmos duro, vamos ganhar da mesma forma. Tanto dos recreativos, quanto dos profissionais mais fracos que nós. Com ou sem HUD, quem se dedicar mais e estiver mais preparado, vai ganhar. Essa é a lógica!

Se Proibirem os HUD's Não Adianta Nada Chorar 102

No longo prazo, os melhores vão ganhar. Como sempre foi.

Se você acha que a falta de HUD vai foder sua vida, não adianta reclamar e xingar o PS. Você vai ter que continuar trabalhando no dia seguinte, não vai?

Então, se você acredita que os softwares serão totalmente proibidos – lembrando que ainda não temos nada oficial! -, a melhor coisa a fazer é começar a treinar sem os HUDs o quanto antes.

Quanto mais rápido você aperfeiçoar seu jogo sem eles, maior seu edge quando – e se – todo o field for proibido de usar. Vai por mim!

Pra quem aprendeu a jogar com os HUDs, pode parecer um bicho de sete cabeças. Não é. Você só precisa aprender a ler seus adversários com outras ferramentas.

Um cara que sabe jogar, sabe jogar. Não é o HUD que faz o cara ser bom.

Acredite nas suas habilidades! Assim como eu fui atrás do Chiconogue pra aprender a usar o software, vai atrás de alguém que possa te ensinar a trabalhar sem ele. Se você se dedicar como se dedicou pra aprender a usar os HUDs, vai dar tudo certo!

Esse assunto é delicado e quero ouvir outras opiniões. Deixe seu comentário aqui no blog ou no Facebook e vamos continuar a conversa!

Esse post foi a Parte 2 de três textos que vou publicar aqui no blog dando minha opinião sobre as possíveis mudanças do PokerStars para 2016.

Podem ler mais no site do Caio Pessagno.

Recebe todas as notícias da PokerNews através das redes sociais. Segue-nos no Twitter e no Facebook!

Mais notícias

O que pensas?