Agora ao vivo Unibet Open Bucharest

5 Pensamentos: Santo Macau

5 Pensamentos: Santo Macau 0001

O PokerStars Asia Pacific Poker Tour fez a sua paragem anual em Macau na semana passada e, como é habitual, gerou um dos maiores cash games do mundo. Também atraiu Phil Ivey, que lidera o 5 Pensamentos desta semana.

1. Phil Ivey voltou

Desde a Black Friday, boatos têm circulado quanto ao paradeiro de Phil Ivey. Ele, claro, fez boicote às World Series of Poker e tentou processar a Tiltware, tudo isso enquanto estava longe dos olhares do público durante a maior parte de sete meses. Finalmente, na passada semana em Macau, Ivey voltou, e jogou o Main Event do APPT Macau, onde foi eliminado no Dia 2. A sua presença criou um burburinho entre os jogadores, fãs e as equipas de reportagem, mesmo que saibamos todos porque está ele em Macau – para os cash games. Esperamos que Ivey jogue mais torneios ao vivo porque ele é um dos jogadores mais interessantes no jogo, mas ele não tem nenhum incentivo para tal, nem os torneios são tão lucrativos como os cash games.

Sem nenhum patch, Ivey não tem razões para jogar torneios com menos de $10,000 de buy-in. Isto significa que não o vamos ver com frequência. Ele talvez vá até eventos super high-roller no PokerStars Caribbean Adventure e no Aussie Millions, mas estes serão os únicos eventos que realmente vão despertar o seu interesse. Ivey quer competir para milhões, não para prémios de 5 o 6 dígitos.
Ivey será também menos acessível (isto se ele alguma vez o foi) a menos que assine por um site ou consiga um grande contrato de patrocínio. Nenhuma destas opções parece provável, por isso vamos ter de nos contentar com vê-lo nas mesas, a mexer os olhos como um louco e a assustar os seus adversários.

2. Dois milhões Up, Dois milhões down

“Tenho jogado em grande em Macau. Ganhei 2 milhões de Dólares americanos e estava muito agradecido. Agora perdi 2 milhões. Estou grato por outras coisas.”
Andrew Robl twitou isto a 24 de Novembro, e a acção nas mesas de cash games foi previsivelmente louca. O dono da PokerNews.nl, Frank “webjoker” Op de Woerd escreveu no TwoPlusTwo que o jogo é de HDK$5,000/HDK$10,000 e que, “Um dos indivíduos do casino trouxe uma caixa de madeira com mais placas de HDK$500,000 e de HDK$100,000 que eu alguma vez tinha visto.” Mais tarde acrescentou que, “Em alguns casos os estrangeiros têm de pagar 20% dos seus ganhos ao casino.”

Os cash games em Macau são fantásticos, mas não seriam tão fascinantes se não fossem jogados a portas fechadas. Os empresários Chineses não querem câmaras e membros de imprensa presentes por razões de privacidade, e isso cria uma certa mística. Quem está a jogar? Quem está a ganhar? Estão a decorrer algumas mãos loucas? De vez em quando uma ou duas mãos escapam através de uma fonte respeitável, e os fóruns têm uma explosão de entusiasmo e analisam até à exaustam cada movimento em cada street. Sem conhecimento, há mais para dar azo à imaginação, criando argumentos e discussão.
Por vezes, as transmissões em directo são impraticáveis e na realidade prejudicam o jogo. Felizmente, os cash games de Macau vão continuar a ficar isolados, por isso podemos especular e inflamar.

3. Patrik Antonius foi recusado

O nosso amigo Mr. Op de Woerd também contou que Patrik Antonius tentou entrar nos cash game, mas não lhe foi permitido. Muitos acreditam que ele foi recusado porque ele é demasiado nitty, e que os empresários Chineses preferem jogar com alguém como Tom Dwan que é mais dado a gamblar. Ironicamente, Johnny Chan é o maior ganhador no jogo até agora (ele supostamente ganhou HDK$11 milhões ou cerca de $1.4 milhões) e ele é conhecido como um dos jogadores mais tights no jogo. Obviamente, os jogadores de Macau preferem jogar com Chan por razões pessoais, do que com Antonius que é apenas um estrangeiro a tentar lucrar com os jogadores locais.

Talvez Antonius se tenha saído bem vez demais. No poker, ninguém gosta de um vencedor a menos que sejam eles próprios, e ao contrário de desportos, há selecção no jogo. Se conheces um jogador que provavelmente te bata no jogo e tu dizes que ele é tão tight que se tu perderes um ou dois potes não vais conseguir recuperar o teu dinheiro, então porque jogar com ele? Estes empresários estão à procura de gamblar e divertimento. Se queres lucrar como visitante, terás de respeitar as suas directrizes e Antonius obviamente falhou aí. E é por isso que está a assistir de fora.

4.Oh sim, nanonoko ganhou o Main Event

Houve um torneio em Macau durante estes cash games de loucos (é fácil de esquecer, nós sabemos) e o vencedor foi o PokerStars Team Online Pro Randy “nanonoko” Lew. Lew entrou na mesa final como short stack, mas traçou o seu caminho para a vitória, levando para casa HDK$3,772,000 (cerca de $484,000). Este foi a maior vitória num torneio ao vivo de Lew, o seu melhor resultado anterior a este foi no Aussie Millions Main Event deste ano onde terminou em 10º para ganhar $98,902.

“Adoro-vos! Obrigado a todos pelo apoio e pelos parabéns!! Estou muito contente com o meu jogo e mais ainda com a vitória no APPT Macau! OBRIGADO!” escreveu ele no twiiter.
Lew é mais famoso pelo seu gráfico de loucos (vejam aqui no documentário da PokerStars I Am Nanonoko) e a sua capacidade de jogar 24 mesas em cash games online. Ele é uma lenda na comunidade online, e não é surpresa que ele tenha começado a ter sucesso nos circuitos ao vivo. Existem uma curva de aprendizagem mas, e Lew será o primeiro a admitir isso – ele contou à nossa Lynn Gilmartin que, “Eu ainda me estou a adaptar muito, existem muitas variáveis diferentes, mas como jogo mais penso que melhoro.”

Parabéns Mr. Lew, temos a certeza que o vamos ver noutra mesa final mais cedo ou mais tarde.

5.Feliz Aniversário PokerStars

A PokerStars celebrou o seu 10º aniversário no APPT Macau, e Lynn Gilmartin esteve lá a acompanhar os acontecimentos.

Leia mais em: https://www.pokernews.com/news/2011/11/five-thoughts-holy-macau-11508.htm

Mais notícias

O que pensas?