Agora ao vivo Unibet Open Bucharest

Tony G Considera acção legal contra a Alderney Gambling Control Commission

Legal Action versus AGCC

Na Terça-feira, Antanas “Tony G” Guoga anunciou a sua intenção de interpôr uma acção legal contra a Alderney Gambling Control Commission (AGCC). Guoga diz que a comissão foi negligente no tratamento da situação da Full Tilt Poker (FTP), falhou no cumprimento dos seus deveres para com os licenciados e deveria ser considerada responsável.

A acção legal baseia-se no facto da AGCC ter conhecimento de um problema que envolvia os fundos de um jogador anterior à Black Friday e foram negligentes no tratamento da situação e, portanto, deveria ser considerada responsável.

A AGCC foi estabelecida em 2000 e é uma organização "independente e apolítica que regula o jogo em nome dos Estados de Alderney. Consiste de um presidente e três membros, inclui pessoas com experiência interncional de jogo, regulação e licenças. A política mais importante da Comissão é providenciar um ambiente regulado que está à altura dos mais elevados padrões internacionais e protege a a reputação de Alderney e atrai operações mundiais."

De acordo com a AGCC, a sua missão é "assegurar e manter a integridade da indústria do jogo online em Alderney." Os seus objectivos incluem assegurar que todo o jogo online em Amberley é conduzido com honestidade e com justiça, que os fundos, a gestão e operações se mantêm livres de influências criminais, o jogo online é monitorizado e regulado para proteger os interesses dos licenciados e dos jovens e vulneráveis."

"Acreditamos que eles sabiam há muito tempo." disse Guoga em relação ao AGCC. "E segurança do dinheiro dos jogadores de poker não existia, eles esconderam esse facto dos auditores todos os anos, beneficiando com isso.”

Jon Sykes, CEO da Vont Limited. "A segurança dos jogadores não estava lá, eles sabiam que a FTP estava em falha nos regulamentos desde Dezembro de 2010."

Não havee uma clausula específica nos Termos e Condições da FTP era contra contra os regulamentos da AGCC, facto ignorado pela AGCC durante muitos meses, constituindo negligência.

A Full Tilt Poker adicionou uma declaração em relação aos fundos dos jogadores ao seu site em Fevereiro ou Março de 2011, anunciando que os fundos dos jogadores não eram diferentes dos fundos da empresa:"Customer funds are not segregated from company funds, but it is the intention of Filco Ltd to meet its liabilities as they fall due."

Guoga diz: " Uma tal falha nos regulamentos e durante um tão largo período de tempo que foi indicada à AGCC por Sykes em 2010 deve ter dado início a uma revisão ao operador e à sua posição financeira, o que traz depois a questão, há quanto tempo sabia a AGCC da situação precária da FTP antes de finalemente terem seguido as acções do DOJ? Nós queremos provar que eles tinham responsabilidades, vamos atrás deles."

Sykes acrescenta:

"Parece evidente que esta declaração foi adicionada ao site em resultado do meu contacto e as subsequentes investigações da Comissão". Obviamente, antes das acusações isto foi ententido como um erro menor de secretaria pela Alderney Regulators e pela FTP, mas agora questiono-me se haveria mais."

Sykes e a Vont Limited estarão à frente da acusação e debatem-se agora com discussões legais. Para além disto, haverá a possibilidade de os jogadores se poderm juntar à queixa e submeter informação sobre os seus balanços, mas tais especificidades ainda não foram determinadas.

Mais notícias

jogadores relacionados

O que pensas?