Agora ao vivo Unibet Open Bucharest

Top 10 PokerNews: O top 10 Inovações Poker Online, Parte 1

  • Nicole Gordon / Daniel CordeiroNicole Gordon / Daniel Cordeiro
top 10 inovaçoes online

Tenta recordar-te da última vez que jogaste poker online. Fazes parte da fornada de jogadores "Moneymaker" de 2003? Ou serás da onda dos WPT em 2004? Talvez Joe Hachem te tenha inspirado a começar a jogar em 2005 ou a fase "Isildur1" convenceu-te a atirar umas fichas há cerca de três meses atrás? Independentemente da altura em que clicaste o botão all-in pela primeira vez e viste o pote ir na direcção contrária, a experiência do poker online mudou imenso e está ainda em evolução. Aqui na PokerNews, pusemos as cabeças a pensar, saltamos para a maquina do tempo (por assim dizer), e voltamos com o que acreditamos serem as 10 inovações mais significativas nos últimos anos. Na primeira parte, vamos conhecer do sexto ao décimo ponto, e na segunda parte revelaremos o top 5.

10. Rush Poker

As mesas Rush Poker da Full Tilt são a moda, no que toca a cash games online, e a experiência de jogo foi comparada a uma droga difícil de deixar. Gostes ou não, o Rush Poker é uma das inovações mais significativas em termos de formato de jogo. As mesas Rush eliminam praticamente todo o tempo de espera enquanto jogas uma mão, com a opção "quick fold" a funcionar quase como "fast-foward" de um comando de televisão.

Não só os jogadores serão capazes de jogar mais mãos por hora, mas a dinâmica de jogo são significativamente alteradas. Os jogadores nas mesas estão constantemente a alterar. Seguir jogadores torna-se muito mais difícil, e como resultado disso, a história de confrontos com um oponente terá menos importância do que numa mesa tradicional. Os estilos de jogo, tendem para os extremos (8 ou 80); ou as pessoas jogam muito tight desistindo rapidamente das mãos à procura de mãos premium ou muitos 3-bet light pré-flop. Novas mesas e limites ainda estão a ser adicionadas - A Full Tilt começou recentemente a espalhar mesas Rush limit hold'em e expandiram também as suas ofertas pot-limit Omaha.

9. Clientes Mac

Muitos de nós aqui na PokerNews jogamos as nossas primeiras mãos de poker na agora defunta PokerRoom.com. Em 2003, era a única sala de poker online que suportava Macs, e bem, muitos de nós aqui somos "pessoas Mac". Na altura, os entusiastas da Apple que queriam jogar na PokerStars, PartyPoker, ou Ultimate Bet tinham de saltar através de vários softwares, incluindo a instalação do "Virtual PC" que reduzia a velocidade do sistema. Dava quase vontade de trocar o iBook por um Dell. Depois, vindo dos céus, os sites começaram finalmente a aceitar clientes Mac nos seus software. A Full Tilt Poker foi a primeira, em 2005, seguida da Party Poker em 2006 e a PokerStars em 2007.

8. Sites de Treino Online

Costumava ser aquele cartão de oferta da Amazon.com a melhor maneira de melhorar o teu jogo de poker. Os jogadores olhavam para textos como The Theory of Poker, Super System e Harrington on Hold'em por novas estratégias ou conselhos para cobrir falhas no seu estilo. Agora, um jogador online que procure tornar o seu jogo mais sério, irá muito provavelmente virar-se para um site de treino como CardRunners, PokerVT, ou Deuces Cracked.

Ao seres um membro de uma sala de treino, és colocado directamente no ombro dos jogadores mais bem sucedidos, enquanto estes abrem os seus livros e revelam as suas cartas. Em vez de leres cartas e suits impressos, estes ganham vida no ecrã em extensas lições em vídeo que cobrem torneios inteiros ou sessões de cash. E ao contrário de um livro impresso, o conteúdo nos sites de treino está constantemente a evoluir. Enquanto o jogo muda, os jogadores necessitam de se ajustar para continuarem a ganhar. Com vídeos frescos todos os dias, os sites de treino permitem aos jogadores manterem-se actualizados.

7. Intervalos sincronizados nos torneios

Em Abril de 2009 a Full Tilt Poker instituiu os intervalos sincronizados nos torneios de poker. Independentemente da hora a que comecem, todos os torneios entram em intervalo aos 55 minutos de cada hora. Esta medida foi muito bem recebida pelos grinders que assim podem descansar 5 minutos de hora a hora. Anteriormente o que se passava é que os portáteis eram desligados da electricidade e tinham de ir ao wc com os seus donos. A PokerStars rapidamente imitou a Full Tilt nesta inovação e seguiram-se a UltimateBet, Absolute Poker e a Cake Poker também não esperou muito para os imitar.

6. Heads-up Play

Antes da era da internet o jogo em head’s-up só tinha lugar em épicos confrontos de high-stakes. Nos casino não existia (nem existe muito hoje em dia) hipótese de jogar head’s-up contra alguém e jogar um torneio head’s-up ao vivo não passava pela cabeça de ninguém até à bem pouco tempo. Com o surgir do poker online esta vertente do jogo cresceu bastante em popularidade, as salas online disponibilizam mesas de head’s-up, sits head’s-up, torneio head’s-up shootout, enfim, um sem número de opções até então inexistentes. Agora, a qualquer hora e em qualquer lugar, qualquer um pode experimentar o que quiser, desde um sit de $7.50 Razz super turbo a um cash game $100/$200 no-limit hold’em. Vários jogadores decidiram especializar-se nesta vertente, os casos de Isaac “luvtheWNBA” Haxton, Patrik Antonius, Vivek Rajkumar, Brian Townsend, e Dario Minieri são os mais conhecidos. A popularidade do jogo fez com que fossem criados diversos torneios, alguns dos mais conhecidos são o NBC National Heads-up Poker Championship e o World Championship Heads-up No-Limit Hold’em que está inserido nas World Series of Poker e tem um buy-in de $10,000.

Veja amanhã a Parte 2 deste Top10. Entretanto pode ver as salas de poker que temos à sua disposição.

Mais notícias

Torneios relacionados

jogadores relacionados

O que pensas?