partypoker MILLIONS Online

Manuel Ruivo bronze no WSOP Main Event 2020 para $728K; Damian Salas campeão

Manuel Ruivo na mesa final do WSOP Main Event 2020

O King's Casino em Rozvadov foi o palco da mesa final da versão híbrida do $10.000 Main Event das WSOP 2020. O evento foi jogado nas mesas online da GGPoker até o field de 674 jogadores ficar reduzido aos finalistas que esta terça-feira disputaram a mesa final ao vivo na República Checa.

Para o campeão estava reservado um prémio de $1.550.969 e na luta pelo título tivemos Manuel Ruivo. O craque português registou mais um brilhante desempenho luso nos maiores palcos do poker mundial e despediu-se da decisão no pódio. O feito rendeu-lhe um prémio gordo de seis dígitos, o segundo maior resultado da sua carreira.


Lê também: Agora online! Ruivo lidera mesa final do Irish Poker Masters Main Event


Manuel Ruivo sobe ao pódio e fatura $728.177

Manuel Ruivo
Manuel Ruivo na mesa final do WSOP Main Event 2020

Manuel Ruivo começou a mesa final com a segunda maior stack em jogo, apenas atrás do chip leader Brunno Botteon e com Damian Salas logo atrás na terceira posição.

A ação arrancou com as blinds em 75K/150K e big blind ante de 150K e os níveis foram aumentados para 60 minutos, o dobro do tempo da porção online do evento. Antes do suffle up and deal, foi realizado o seat draw:

Seat draw e chip count no início da mesa final

LugarJogadorPaísFichasBig Blinds
1Marco StredaSuíça4.225.00028
2Ramon Miquel MunozEspanha3.025.00020
3Hannes SpeiserÁustria3.525.00024
4Brunno BotteonBrasil10.325.00069
5Stoyan ObreshkovBulgária2.125.00014
6Damian SalasArgentina5.650.00038
7Manuel RuivoPortugal6.225.00042
8Dominykas MikolaitisLituânia3.175.00021

Quem entrou melhor na mesa final foi Damian Salas, responsável pelas duas primeiras baixas do dia, Hannes Speiser e Stoyan Obreshkov. Depois foi a vez de Dominykas Mikolaitis ir para o rail, quando o seu {a-Diamonds}{j-Clubs} não aguentou contra o {3-Clubs}{3-Hearts} de Manuel Ruivo.

Com a ação reduzida a 5 jogadores, Salas e Botteon, os chip leaders da mesa, jogaram um pote gigante que deixou o argentino destacadíssimo na liderança.

Entretanto, o português assumiu os lugares do fundo da tabela com 13 BB, mas conseguiu recuperar quando eliminou Marco Streda na 5ª posição a segurar {a-Clubs}{a-Diamonds} contra {a-Hearts}{k-Diamonds}.

Até ao intervalo de jantar, Ruivo perdeu algumas fichas e regressou depois da pausa 4/4 com cerca de 8 BB, dobrando logo na primeira mão com {j-Hearts}{j-Spades} contra {9-Spades}{5-Spades} do chip leader Damian Salas.

O 3-handed começou depois de Brunno Botteon eliminar o short stack Ramon Munoz na 4ª posição.

Manuel Ruivo iniciou o confronto contra os dois sul-americanos em desvantagem, conseguiu o double-up contra Salas para deixar a coisa mais equilibrada, mas o argentino acabou por ficar com todas as fichas do luso.

Damian Salas e Manuel Ruivo
Manuel Ruivo despediu-se da mesa final no 3º lugar

Na mão da decisão, Ruivo com {9-Diamonds}{4-Hearts} e Salas com {10-Clubs}{7-Clubs} foram ver o flop {9-Clubs}{4-Clubs}{2-Diamonds} e as fichas acabaram todas no meio do pano. O {8-Spades} no turn deu ainda mais outs ao argentino e o {5-Clubs} no river colocou um ponto final na grande performance do luso.

Manuel Ruivo despediu-se assim da mesa final do WSOP Main Event da GGPoker num honroso 3º lugar e foi recompensado com um prémio de $728.177, o segundo maior resultado de sempre da sua carreira.

Salas bate Botteon e vai lutar pela bracelete em Las Vegas

Damian Salas
Damian Salas foi o grande campeão do WSOP Main Event da GGPoker

Com Portugal fora do caminho, o título foi decidido num confronto Argentina vs. Brasil, com Damian Salas dono de 48 big blinds contra as 28 big blinds de Brunno Botteon.

O brasileiro empatou o duelo logo nas primeiras mãos, mas Salas voltou a destacar-se na frente para mais tarde pagar o bluff de Botteon e ficar com todas as fichas em jogo.

Damian Salas sagrou-se campeão e não só encaixou um prémio de $1.550.969, como carimbou o passaporte para o Heads-up Championship em Las Vegas, onde irá enfrentar o vencedor do Main Event disputado na WSOP.com nos Estados Unidos.

Depois do 7º lugar no WSOP Main Event 2017, o argentino tem agora uma nova oportunidade para ganhar a bracelete e o título de campeão do WSOP Main Event.

O Heads-up Championship vai ser disputado no dia 30 de dezembro no Rio All-Suite Hotel & Casino e tem um prémio adicionado de $1 milhão para o vencedor.

Brunno Botteon
Brunno Botteon também faturou um prémio milionário

Eliminado na segunda posição, o craque brasileiro Brunno Botteon levou para casa o outro prémio milionário que estava em jogo na mesa final — o maior da sua carreira — no valor de $1.062.723.

Este é o segundo maior prémio de sempre conquistado por um brasileiro nas mesas ao vivo, apenas atrás do prémio de $1.187.670 que Alexandre Gomes faturou quando venceu a WPT Bellagio Cup 2009.

Resultados da mesa final do WSOP Main Event 2020

PosiçãoJogadorPaísPrémio
1Damian SalasArgentina$1.550.969
2Brunno BotteonBrasil$1.062.723
3Manuel RuivoPortugal$728.177
4Ramon Miquel MunozEspanha$498.947
5Marco StredaSuíça$341.879
6Dominykas MikolaitisLituânia$234.255
7Stoyan ObreshkovBulgária$160.512
8Hannes SpeiserÁustria$109.982

Nota: O chinês Peiyuan Sun decidiu não viajar até à República Checa para jogar a mesa final e terminou oficialmente no 9º lugar com direito a $75.360.

WSOP 2020 main event final table
Mesa final do WSOP Main Event 2020 da GGPoker

Entrevista com Manuel Ruivo

O brasileiro embaixador da GGPoker Felipe Mojave esteve no Kings Casino a acompanhar de perto toda a ação da mesa final, e no final esteve à conversa com Manuel Ruivo.

Recebe todas as notícias da PokerNews através das redes sociais. Segue-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram!

Sharelines
  • Manuel Ruivo bronze no WSOP Main Event 2020 para $738K; Damian Salas campeão

O que pensas?

Mais notícias

Outras Histórias