Daniel Negreanu Explica Porque Continua a Representar a PokerStars

Daniel Negreanu

Quando foi anunciada a introdução de jogos de casino e apostas desportivas por parte da PokerStars, Victoria Coren Mitchell, a única jogadora na história do poker a conquistar dois título do EPT, decidiu abandonar a Team PokerStars Pro.

Coren veio a público explicar as razões que a levaram a abandonar a empresa e o mesmo fez agora o seu ex-companheiro Daniel Negreanu, a diferença é que o canadiano continuará a representar a sala da espada vermelha.

Negreanu usou o seu blog na Full Contact Poker para defender a introdução dos jogos pela PokerStars.

Negreanu começa por dizer o que pensou quando iniciou a sua carreira há mais de 20 anos atrás.

"Não me importo de ganhar a vida a ganhar dinheiro a pessoas que têm menos capacidades (skill) que eu??"

"Não me importo de de que algumas dessas pessoas estejam a tomar más decisões que as afectam a si e provavelmente às suas famílias?"

"Não me importo de tirar vantagem do facto dessas pessoas não saberem que as odd estão contra si??"

"Não me importo de jogar poker num casino que oferece jogos onde a casa tem uma vantagem tão grande que é impossível que os jogadores sejam ganhadores a longo termo?"

"Não me importo de de jantar ou ver um espectáculo num casino onde alguns jogadores estão a arruinar as suas vidas?"

Tudo isto apenas para explicar que Negreanu não acredita que a entrada em funcionamento destes jogos afecte a imagem da sala. Negreanu não vê diferença entre as odds que a casa tem sobre os jogadores ou as odds que um bom jogador de poker tem sobre os seus adversários.

Mesmo pensando de forma contrária, Negreanu tira o chapéu a Coren por manter a sua opinião mesmo que com isso perca dinheiro.

Aproveita e abre já a tua na PokerStars usando o Código de Marketing PORTUGUESEPOKERNEWS e o código de Bónus FREE20.

Recebe todas as notícias da PokerNews através das redes sociais. Segue-nos no Twitter e no Facebook!

Mais notícias

Torneios relacionados

jogadores relacionados

O que pensas?