Agora ao vivo
PokerStars Championship Barcelona

Mantém-te Concentrado:Música para a Mente

Mantém-te Concentrado:Música para a Mente 0001

Não há qualquer dúvida que a música influencia os humores e motivações. Quer seja para te dar aquela forcinha extra no ginásio ou uma melancolia para libertares umas lagrimitas enquanto estás sozinho ( ou são só as raparigas?), ou até mesmo, ouvir uns clássicos para pores a pista de dança a topo.

Inúmeros estudos concluíram que a música ajuda a concentrar e alguns vão mais longe, dizendo que nos faz mais inteligentes — como “O efeitos de Mozart ,” onde algumas pessoas dizem que ouvir música clássica aumenta o poder cerebral. Agora considerado mito pela generalidade.

Apesar da música não nos fazer mais inteligentes, foi provado que a música clássica, em particular a do período barroco como Antonio Lucio Vivaldi e Johann Sebastian Bach, contém ritmos que imitam o coração humano, criando um sentimento de relaxe. Na realidade, esse ritmo ativa o lado direito e esquerdo do cérebro, permitindo que mais informação seja absorvida. O potencial de aprendizagem aumenta num mínimo de cinco vezes ao som de 60 batidas por minuto, de acordo com oThe Center for New Discoveries in Learning. (Fonte: Laurence O'Donnell para Brain & Mind Magazine.)

Não obstante dos estudos, a música ajuda-me com os meus diversos estados de espírito: feliz, triste, energética, motivada e porque não concentrada? Descobri que ouvir musica sem letra e com uma composição suave e contínua me é mais eficaz. A música com letras ou com alterações mais visíveis tem o efeito contrário.

Se repares nos comentários do vídeo de Mozart que te deixo abaixo, percebes que maioria das suas 23,5 milhões visualizações estão a estudar para exames. Tenho de admitir que esta foi a minha primeira tentativa neste tipo de som e, na verdade, me ajudou a completar e a escrever este artigo. Oportuno, não?

Os resultados dependem largamente do teu gosto pessoal, por isso, é normal a técnica da tentativa erro. A pequena maravilha do YouTubeé uma fonte interminável de opções gratuitas, que podes ouvir enquanto te concentras. Uma outra pérola que encontrei foi uma faixa de Norman Durkee, um compositor de Seattle, que compôs o seguinte clip, “takes you on wondrous musical journeys.”

Tens algumas faixas que te ajudam a manter concentrado? Adorávamos saber quais! Deixa-as no comentário da notícia.

Fonte imagem: The Panther Lab Music

Mais notícias

O que pensas?