As 10 melhores histórias de 2011 - #10 - o The Big One for One Drop

  • Equipa PokerNewsEquipa PokerNews
As 10 melhores histórias de 2011 - #10 - o The Big One for One Drop 0001

A 2 de Junho de 2011, as World Series of Poker anunciaram um torneio com buy-in de $1 Milhão paras as WSOP de 2012. O evento desenhado para angariar fundos para a One Drop e criado por Guy Laliberté, dono do Cirque Du Soleil, foi chamado The Big One for One Drop e é o veneto com o maior buy-in da história do poker.

"Estamos orgulhosos por fazer parte do primeiro evento de poker da fundação criada por um dos empresários mais criativos da nossa geração, Guy Laliberté, para ajudar a fazer do mundo um sítio mais saudável." Quem o diz é Gary Loveman, da Caesar Ebtertainment, durante o anúncio oficial do evento.

O torneio terá lugar de 1 a 3 de Julho e 11.11% do buy-in, ou seja, $111.111 será doado para a fundação.

"One Drop é uma organização extremamente inteligente e importante e sinto-me honrado por ter o meu papel. É uma excelente parceria das WSOP e o poker em geral." Diz Tony G, um dos participantes já confirmados no evento.

A One Drop é "uma organização de caridade pública que desenvolve acçõe sinovadores em que a água é um factor fundamental na mudança poisitiva mundial. Mais especificamente, a One Drop está empenhada em chamar a atenção de indivíduos e comunidades para assuntos relacionados com a água, para a necessidade de mobilização para que todos tenham acesso a água e incentiva hábitos saudáveis para gerir ester recurso precioso para gerações futuras."

O torneio conseguiu garantias imediatas de jogadores como Laliberté, Tony G, Bobby Baldwin, Phil Ruffin, Andy Beal e Patrik Antonius, mas nem todos estavam tão entusiasmados acerca do torneio, especialmente desde que foi anunciado que seria em evento de bracelete, se tivesse 22 jogadpres inscritos.

"Acho que é rídiculo e destrói completamente a santidade das barceletes" diz Vanessa Selbst, Team PokerStars Pro. "Arruina completamente a ideia das estatísticas de poker. Está tudo fora de controlo. Acho que buy-ins de $100K e $250K já são absurdos o suficiente. Os eventos High Roller são de $25.000 e é o suficiente., é o que as pessoas podem pagar. Os restantes eventos, se queres pagar mais que isso, fá-lo no teu próprio tempo, mas não quando envolve todas as estatísticas e rastreios e tudo o resto. Destrói a ideia completamente, é ridículo."

Também Liv Boeree não ficou entusiamada com a ideia de um torneio de $1M. "Não é como se pudesses entrar por satélite num torneio de um milhão. Não consegues e nunca vai acontecer. Portanto apenas podes ter super jogadores de high stakes e pessoas que montaram empresas de poker há anos. E apenas isso. Vão ser os mesmos jogadores de sempre e vai ser como ver um episódeio do Poker After Dark. Vai haver uma pessoa, que deterá o recorde de maior prémio de sempre ganho num torneio e bem feito, porque já é um bilionário de qualquer das maneiras. Os torneios de maior buy-in são uma má ideia porque são torneios mais pequenos e nãos tens que ser tão bom assim para ganhar."

Tanto Selbst como Boeree não participarão neste evento mas a ideia geral é que o The Big One for One Drop é uma bo aideia: " Eu queria jogar mas não vou poder porque é muito dinheiro." Diz Jeff Madsen, antigo Jogador do Ano das WSOP. "As WSOP continuam a inovar e eu prevejo exactamente 151 pessoas a jogar."

Jonathan Duhamel, campeão do Main Event das WSOP, é mais um dos que acha que foi uma boa ideia. "Eu conheço o Guy e é um bom tipo. Também conheçoi a sua fundação, a One Drop, e é uma boa ocasião para angariar muito dinheiro. Qualquer coisa como 10% vão para caridade, o que é muito bom. ELe disse que estava limitado a 48 jogadores e eu acho que vai lotar porque todos os jogadores têm um ano para arranjar o dinheiro em algum lado. Vai ser um bom torneio. Estarão lá os melhores pros do mundo e alguns empresários, por isso acho que vai ser bom, dinâmico e por uma boa causa."

Duhamel também confirmou a sua presença no torneio, tal ocmo vários outros. Aliás, a 5 de Dezembro, o Caesars Interactive Entertainment anunciou que tinha 22 jogadores confirmados, o que significa que o evento recompensará o vencedor com uma bracelete.

"Estou super entusiasmado por fazer parte do maior evento de poker de sempre." diz Duhamel. "Um milhão de dólares é muito dinheiro mas a minha participação acaba por ser natural, já que sou porta-voz da One Drop e devido ao meu envolvimento com esta causa. A vida começa com água e devido à sua distribuição pouco equitativa, uma pessoa morre a cada 20 segundos. Quanto a mim, comprometo-me a doar 5% dos meus ganhos neste torneio à One Drop."

As identidades dos 22 participantes no torneio ainda não foi totalmente revelada, até porque alguns preferem manter o anonimato, mas alguns não se importam de divulgar a sua participação. Até agora, são estes os nomes confirmados:

Guy Laliberté
Bobby Baldwin
Phil Ruffin
Andy Beal
Patrik Antonius
Gus Hansen
Daniel Negreanu
Johnny Chan
Tom Dwan
Tony Guoga
Jonathan Duhamel
Bertrand “ElkY” Grospellier
Sean O’Donnell
Dan Shak

O torneio, que dará a cada jogador 3 milhões de fichas iniciais, níveis de 60 minutos e paga a 20% do field, será limitado a 48 jogadores, o que significa que ainda há lugar para mais 26. Para os interessados, é necessário um depósito de $50.000 para reservar o lugar e o restante deverá ser pago até 2 semanas antes do evento.

Segue-nos no Twitter e Facebook para informações actualizadas no minuto.

Mais notícias

O que pensas?