Agora ao vivo Unibet Open Bucharest

Estratégia no Podcast da Kristy: Lex Veldhuis e Pot Limit Omaha

Estratégia no Podcast da Kristy: Lex Veldhuis e Pot Limit Omaha 0001

Lex Velhuis foi sempre destacado pelas suas capacidades nos cash games de No Limit Hold'em, mas recentemente tem mostrado um ar da sua graça nos jogos de Pot Limit Omaha. Lex joga milhares e milhares de mãos com o objectivo de se tornar muito bom neste jogo que ainda é novo para ele.

Nesta edição de Estratégia com Kristy, Veldhuis senta-se com Donnie Peters e Kristy Arnett para discutir três mãos que PLO que jogou online. Para ver o hand history destas mãos, visita o PokerNews Blog da Kristy.

Aqui está uma pequena parte da conversa, onde Veldhuis partilha uma mão em que ele acha que jogou mal.

Jogo: $2/$4 Pot Limit Omaha

Acção Pré-flop: Veldhuis abre para $12 UTG com {10-Hearts}{8-Hearts}{6-Diamonds}{4-Diamonds} . O adversário aumentou para $42 e o resto da mesa larga a mão. Veldhuis faz 4bet para $132 e call.

Antes de falar desta mão, tenho reparado que não tenho um four-bet fold range. Qualquer mão que faça 4bet, penso "Ok, vamos a isto". Por exemplo, se eu tiver Reis ou ases double suited contra um jogador que me faça 3bet e eu responda com 4 bet, eu acabo sempre por jogar a mão. Tenho tentado aumentar o meu range porque fico sempre muito impressionado quando alguém o faz. Tenho tentado incorporar isso no meu jogo, por isso tenho tentado escolher mãos com ligação, que não me dêem vontade de fugir com elas, mas podem "floppar" muito bem.

Acção no flop: o flop foi{a-Diamonds}{q-Hearts}{2-Clubs}. Veldhuis aposta $100 e o adversário faz call.

O flop foi perfeito para o meu range de 4bet porque eu "nunca" faço 4bet bluff. Portanto não tenho que fazer uma aposta muito elevada neste flop e além disso, continuo a ter 2 flush drwas e gutshots. O Às é obviamente a peça mais importante. Sei que ele não tem ases porque apostou o pote pré-flop. As pessoas não fazem tantas 3bets assim com damas, portanto não acredito que tenha um trio. Posso apostar pouco, a representar ases porque "quero" acção. Se qualquer maneira, estou praticamente em all in. Aposto $100. Até preferia apostar um pouco menos, mas também dá.

Quando ele fez call no flop, cometi o erro de achar que ele faria isso com projectos. Pensei que ele teria algum tipo de gutshot ou qualquer coisa tipo QJT, mas essa seria a única mão em que eu o consegui a pagar no flop e foldar no turn. É muito errado colocar alguém numa mão específica. Acho que na maior parte das vezes ele vais ter um Às ou se o turn for bom vai fazer call. As pessoas simplesmente não fazem call neste flop para depois foldar. Fiz all in no turn, o que é horrível.

Acção no turn: O turn foi um {4-Clubs}. Veldhuis fez all in de $254 e o adversário fez call com {a-Clubs}{q-Spades}{7-Clubs}{6-Spades}

Ele fez call com dois top pair, mas acho que ele não teria largado nenhum Às para mim neste caso. Acho que a única hipóstese que eu tinha era de o fazer foldar com uma aposta pequena no flop, já que estava a representar um range forte com 4bet pre-flop. Devia ter parado no turn porque se ele tivesse KJT não ia foldar de qualquer forma. Foi uma daquelas situações em que tive que esperar que ele tivesse cartas baixas e tivesse que largar no flop. Uma daquelas mãos em que não pensei nos ranges bem o suficiente.

Queres saber mais? Ouve o podcast!

Estratégia no Podcast da Kristy: Lex Veldhuis e Pot Limit Omaha 101

Mais notícias

jogadores relacionados

O que pensas?