Agora ao vivo Live Stream André Coimbra PokerStars.pt

EPT Tallinn 2001: Maksim Kolosov lidera e Fernando Brito no dia 2

Maksim Kolosov

A temporada 8 do PokerStars.com European Poker Tour começou ontem no luxuoso Swissotel, com o arranque do dia 1A. Apenas 92 jogadores marcaram presença neste primeiro dia e Maksim Kolosov terminou na liderança com 102.725 fichas.

A primeira pessoa a alcançar o epípeto foi nada mais nada menos que o vencedor da temporada 7 do EPT Martin Jacobson. Pode ter chegado sem bagagem mas não faltaram as suas capacidades.

“Devo ter o bilhete do lugar dourado,” escreveu Jacobson no seu tweet.

A partir do quinto nível de jogo, um novo jogador impôs-se como chipleader, saído da "mesa da morte", formada a partir do encerramento de várias mesas: Roberto Romanello and Kent Lundmark, vencedores dos EPTS de Praga e Barcelona, o EPT Player of the Year Fernando Brito, Kevin Vandersmissen, Mathew Frankland e Maksim Kolosov. Kolosov entrou numa batalha de 4bets e acabou por saltar para a liderança.

Na mão em questão, Vandersmissen fez raise para 725 em early position e Kolosov 3bet para 1.725. Com a acção de volta a Vandermissen que aumentou para 4.200 para o call de Kolosov. O flop trouxe {10-Spades}{a-Clubs}{2-Diamonds} e Vandermissen sai a apostar 3.200. Raise de Kolosov para 7.500 e call. Ambos fazem check ao ver o {3-Hearts} do turn. Quando o {8-Hearts} cai no river, Vandermissen fez check cakk às 12.000 de Kolosov, que mostra {a-Hearts}{k-} para recolher o pote e subir às 74.000.

O seatdraw causau alguma agitação logo no início do torneio. Numa das mesas, Rupert Elder, vencedor do EPT San Remo debateu-se com Arnaud Mattern, vencedor do EPT de Praga, na 4ª temporada. Ambos se viram em dificuldades depois de perderam grandes potes, mas como campeões que são passaram ao Dia 2.

Fernando Brito, na esperança de renovar o título de POY, encontrou pela frente Mathew Frankland, um jovem talento britânico. Ambos os jogadores vinham de um bom resultado nas WSOP, Brito em 181º e Frankland em 121º e ambos passaram também ao dia 2.

Alguns dos qualifiers online mais inexperientes mostravam algum nervosismo. Quem não estaria nada nervoso era Pierre Neuville, qualifier regular. Até ao EPT de Tallin, Neauville conseguiu umas impressionantes 23 qualificações consecutivas para os eventos principais do EPT. Apesar de não ter conseguido a qualificação desta vez, não deixou de marcar presença, sorridente e pronto a jogar poker.

David Vamplew foi mais um campeão EPT, em Londres na passada temporada, que esteve presente no Báltico. Vamplew esteve sentado junto ao sueco Jesper Hoog e conseguiu o suficiente para regressar ao dia dois.

Dos 92 jogadores que deram início ao dia, apenas 68 passaram ao dia 2. Entre as maiores stacks, encontram-se as de Roberto Romanello (83,175), Martin Jacobsen (74,650), e Praz Bansi (73,975). Também no dia 2 estarão Mathew Frankland (70,475), David Vamplew (57,500), e o Team PokerStars Pros Richard Toth (37,325) e Marcin Horecki (21,925).

Mais notícias

Torneios relacionados

O que pensas?