Agora ao vivo Live Stream André Coimbra PokerStars.pt

European Poker Awards 2008 – Bertrand "ElkY" Grospellier Eleito Jogador do Ano

European Poker Awards 2008 – Bertrand "ElkY" Grospellier Eleito Jogador do Ano 0001

A cerimónia European Poker Awards 2008 teve lugar na semana passada no Aviation Club em Paris. Todos os anos a nata do poker Europeu juntasse nesta cerimónia para beber um pouco de champanhe, comemorar os grandes sucessos do ano e olhar sobre os próximos 12 meses de poker. Esta foi a oitava edição deste prestigiado evento e a julgar pela lista dos vencedores, esta pode tornar-se referência para as futuras premiações do European Poker Awards. Segue-se a lista dos nomeados e respectivos vencedores em cada uma das categorias:

Personalidade do Staff:

Nomeados:

• Jonathan Raab (Escócia)

• Madeleine Harper (Inglaterra)

• Thomas Kremser (Áustria)

• Simon Trumper (Inglaterra)

• Sylvie Belanger (Espanha)

Vencedor: Jonathan Raab (Escócia)

Embora os European Poker Awards distingam os jogadores mais bem sucedidos da Europa, é também uma oportunidade para agradecer e homenagear as pessoas que muito contribuíram para o jogo. Este ano o Organizador e Director do Grosvenor UK Poker Tour (GUKPT) ganhou o prémio por ter transformado este circuito num dos mais cobiçados títulos na Europa. Com um buy-in de £1000 o Main Event do GUKPT é uma espécie de ponte entre os torneios locais e os EPT's atraindo uma saudável mistura de amadores e jogadores profissionais. Jonathan Raab tem sido o cerne do GUKPT desde o início, e tem ouvido o que os jogadores têm a dizer, ajudando a colocar UK no mapa do poker.

Jogador do Ano:

Nomeados:

• Bertrand "ElkY" Grospellier (França)

• David Benyamine (França)

• Andreas Krause (Alemanha)

• Marty Smyth (Irlanda)

• Neil Channing (Inglaterra)

Vencedor: Bertrand "ElkY" Grospellier (França)

Bertrand "ElkY" Grospellier começou o ano de 2008 em grande ao vencer o PokerStars Caribbean Adventure para um primeiro prémio de $2 Milhões. Depois seguiu-se a vitória no WPT Festa Al Lago em Outubro para mais um prémio de $1,4 Milhões, tornando-se no terceiro jogador a conseguir ambos os títulos, EPT e WPT. Como se isto não fosse suficiente, ElkY dominou o PokerStars WCOOP 2008, mesmo não tendo vencido nenhum evento terminou ITM por sete vezes e ganhou mais de $400,000. Ao que parece ElkY já está a trabalhar para mais um prémio com a sua recente vitória no evento PCA High Rollers.

Melhor Prestação num Torneio:

Nomeados:

• Neil Channing (Inglaterra)

• David Benyamine (França)

• Bertrand "Elky" Grospellier (França)

• Marty Smyth (Irlanda)

• Jesper Hougaard (Dinamarca)

• Sebastian Ruthenberg (Alemanha)

• Peter Eastgate (Dinamarca)

Vencedor: Peter Eastgate (Dinamarca)

O heads-up do Main Event das World Series of Poker 2008, definitivamente entrou para a história do poker Mundial. O jovem dinamarquês de 22 anos de idade, Peter Eastgate foi o grande vencedor deste evento e reclamou o recorde de jogador mais jovem a vencer um Main Event das WSOP. Eastgate bateu o anterior recorde que pertencia a Phil Helmuth, desde que este derrotou Johnny Chan no heads-up do Main Event WSOP 1989. Foi também a primeira vez, em toda a história das WSOP, que o confronto final foi disputado entre dois jogadores europeus.

Melhor Jogadora Europeia:

Nomeadas:

• Sandra Naujoks (Alemanha)

• Isabelle Mercier (França/Canadá)

• Kara Scott (Inglaterra)

• Annette Obrestad (Noruega)

• Svetlana Gromenkova (Rússia)

Vencedora: Sandra Naujoks (Alemanha)

Este foi apenas o segundo ano em que foi atribuído este prémio, o qual foi ganho a primeira vez por Katja Thater. No ano passado a luta foi renhida com Katja Thater a superar Obrestad para levar o prémio. Este ano a escolha da vencedora foi igualmente difícil. Kara Scott teve uma boa prestação no Main Event das WSOP e venceu o PartyPoker Sports Star Challenge. Svetlana Gromenkova trouxe para a Europa a bracelete do evento WSOP Ladies. Mas o prémio acabou por ser atribuído a Sandra Naujoks que teve um grande ano em 2008 incluindo o nono lugar no EPT Budapeste e a vitória no Main Event do CAPT Baden Open.

Rookie do Ano:

Nomeados:

• Stephen Chidwick (Inglaterra)

• Ivan Demidov (Rússia)

• Davidi Kitai (Bélgica)

• Jesper Hougaard (Dinamarca)

• Sebastian Ruthenberg (Alemanha)

• Alexander Kostritsyn (Rússia)

Vencedor: Ivan Demidov (Rússia)

Esta foi, sem dúvida, a categoria mais difícil de toda a premiação e foi uma batalha entre três jogadores também legítimos para o prémio de jogador do ano. Jesper Hougaard destacou-se em 2008 pelas duas braceletes ganhas no WSOP e WSOPE e Sebastian Ruthenberg não só ganhou um título EPT como também uma bracelete rara na Europa, do evento Stud Hi/Lo das WSOP.

O prémio, no entanto foi atribuído a um jogador que não ganhou nenhum título em 2008. Ivan Demidov terminou na segunda e terceira posição do WSOP e WSOP Europe respectivamente, feito que poderá nunca mais ser repetido. Estas prestações valeram a Demidov um total de $6,4 Milhões e o prémio de Rookie do Ano.

Prémio Carreira:

Vencedor: Marcel Lüske

Os anteriores vencedores deste prémio incluem jogadores e staff de casino, como Dave Colclough, Thomas Kremser e Dave 'the Devilfish' Ulliott. Este ano o vencedor foi o "Flying Dutchman", Marcel Lüske. Lüske não tem sido apenas um dos mais coloridos personagens no circuito, mas também um dos mais bem sucedidos. A cantar nas mesas e usando o seu óculos de cabeça para baixo, já tem mais de $3,7 Milhões em ganhos na sua carreira e é o mais bem sucedido jogador de torneios holandês de todos os tempos, acrescentado este prémio ao seu currículo que também inclui dois prémios de Jogador Europeu do Ano.

Prémio Rob Gardner à Inovação:

Vencedor: Rob Yong

Este foi apenas o segundo ano em que foi atribuído o Prémio Rob Gardner à Inovação, criado em homenagem a Rob Gardner que infelizmente faleceu em 2007 e foi um personagem crucial na produção da série de TV Late Night Poker. Este prémio especial destina-se a homenagear as pessoas que mais contribuem para a evolução do poker.

Este ano o prémio foi atribuído a Rob Yong, um empresário britânico e entusiasta do poker. Rob Yong decidiu em 2005 abrir e licenciar um clube de poker que se tornaria no Dusk Till Dawn. Parece tarefa fácil mas o que se seguiu foram dois anos de batalhas no tribunal para conseguir esse licenciamento, depois de objecções por parte de conselhos locais e dos casinos nas proximidades.

Finalmente, no final de 2007, foi concedida a licença para o Dusk Til Dawn que abriu as suas portas pela primeira vez e que tem sido um sucesso desde então.

Mais notícias

O que pensas?