Agora ao vivo Unibet Open Bucharest

Força Relativa das Mãos com Jon Aguiar

  • Kristty Arnett / Daniel CordeiroKristty Arnett / Daniel Cordeiro
jonathan aguiar

Jon "FatalError" Aguiar tem viajado o globo para jogar os mais ricos torneios de poker do mundo. Nos últimos cinco anos, acumulou $1.1 milhão em lucros de torneios ao vivo e online. A última viagem de Aguiar foi em Monte Carlo para disputar o European Poker Tour Grand Final.

A PokerNews esteve à conversa com Aguiar para conversar sobre duas mãos que jogou enquanto esteve em Monte Carlo, e ambas ilustram o conceito desta semana: força relativa das mãos.

Antes de falarmos destas duas mãos, podes explicar um pouco melhor o que significa força relativa de mãos?

Força relativa de mãos é o valor da tua mão frente ao possível range de mãos do teu adversário.

Mão #1
Torneio: EPT Grand Final Main Event
Blinds: 50-100

Um qualifier online faz raise UTG para 250. Um jogador em middle-position faz call, e eu faço call no botão com Rei-Dama. A big blind faz call também. O flop traz Dama-10-4 rainbow. A acção chega até mim em check e eu aposto 650. A big blind faz fold, o raiser pré-flop faz call, e o outro jogador faz fold. O turn traz um 9 que completa um dos straight draws e dá-me um gutshot. Ele faz check, e eu check para pot control. O river traz um valete, e ele faz check rapidamente. Eu aposto 1.425. Ele pensa, e pega em 5 fichas de 1.000 e atira-as gentilmente para o pote.

o que estás a pensar depois de ele fazer check-raise no river?

Estou a tentar descobrir o que poderá ter! Não tem nenhum bluff. Nenhum qualifier online faz check-raise neste river. Ou tem um rei, ou ás-rei. Achei que estaria a dividir o pote 30% das vezes e a perder 70%. Mesmo assim, tenho o segundo melhor straight, sendo a força relativa da minha mão a pior possível frente ao seu range. Apenas faço chop ou perco. mostrei um Rei e fiz fold. Ele não pareceu muito satisfeito e atirou as cartas para o muck.

Mais tarde, vi-o a jogar uma mão onde lhe fiz check-call em duas streets depois de um raise pré-flop com oitos numa board com 10-5-4-X. O river trouxe um 3 e ele fez apenas check atrás com um set de 5, portanto tenho a certeza de que ele não iria tentar nada muito louco com apenas um rei na outra mão.

Podes explicar porque decidiste apenas fazer check no turn para controlar o pote?

Tenho uma boa mão e um bom draw, mas se me fizerem check-raise, tenho de fazer fold. E não o quero ver fazer check-call com muitas da piores mãos.

Mão #2
Torneio: $5.000 no-limit hold'em full-ring side event
Blinds: 150-300 ante 25

A mão seguinte foi frente a um jogador Nórdico que me pareceu competente. Ele fez raise UTG+1, recebeu um call, eu faço call com rei-dama suited no botão, e um mau jogador faz também call nas blinds. O flop trouxe Dama-7-4 rainbow. A acção chegou em check até ele e fez um C-bet normal. O jogador à minha direita fez fold e eu call. Fomos ao turn heads-up.

O turn trouxe uma dama, dando-me um trio, mas deixando um flush draw na mesa. Nós tinhamos tipo 1.7 vezes o pote nas nossas stacks, e eu achei que ele iria fazer check-fold a muitas mãos do seu range se apostasse aqui. Ele fez check e eu tembém, e ao contrário da outra mão onde fiz check para controlar o pote, desta vez fi-lo para enganar e para extrair valor.

O river trouxe um valete, o que completou o back-door flush draw. Ele acorda e aposta 9.000 num pote com 11.500. Nesta situação, eu deveria estar a pensar no facto de que apostar flop, check turn e bet river é uma linha de bluff muito, muito invulgar para grande parte das pessoas. Ou vão tentar disparar barris todas as rondas, ou bet-bet e check no river. Tal como na última mão, o seu range não me parece fraco aqui. Quando olhas para a força relativa da minha mão, as únicas mãos que venço nesta altura e que fazem sentido são uma pequena value bet de uma mão tipo ás-valete que aposta o flop, ou uma mão como dama-10 ou dama-9 suited, mas as pessoas não estão sempre a fazer raise UTG eight-handed com essas mãos. Portanto, fiz call e ele tinha valetes na mão. Nesta mão, eu estava a pensar, "Tenho trio. Faço call" mas ao olhar para trás, comecei a duvidar da minha acção. A minha mão na verdade não é assim tão boa frente o seu range.

Vendo bem, parece que fazer check no turn foi a jogada perfeita para esta mão.

Sim, ele vai fazer check-fold no turn mais vezes do que faria fold no river se a acção fosse em check-check no turn e viesse uma carta branca no river. Só há oito más cartas pra mim frente a valetes no river - os áses, e os reis, e apenas duas cartas no baralho me fariam perder o pote. Se eu acertasse em quads no river, ele pagaria à grande.

Entender a força relativa de uma mão é um dos maiores problemas que os amadores têm. Quando alguém diz, "Estão apenas a jogar as suas cartas," é quando os jogadores não pensam minimamente em força relativa e consideram apenas a força absoluta das suas mãos. Vês muita gente que está de face para baixo concentrados nas suas cartas e a tentar apanhar ou acertar em certas mãos em vez de tentarem pensar no que os seus oponentes têm e o quão amplo ou tight serão os seus ranges baseando-se em acções prévias. É por isso que é importante colocar o teu oponente num range de mãos, e depois avaliar a força da tua mão frente o range do teu adversário.

Por onde devem os jogadores começar quando tentam aprender a diferença entre força relativa de uma mão e força absoluta?

Acho que é importante fazeres perguntas a ti mesmo durante a jogada como, "Com que tipo de mãos poderia ele estar a fazer isto?" Quando os teus oponentes fazem apostas ou check pergunta a ti mesmo, "O que quer ele que eu faça quando age assim?" ou "O que significa o tamanho desta aposta?" Por exemplo, quando o meu adversário faz uma aposta grande na segunda mão, está obviamente a jogar para extrair valor. Ele provavelmente apostaria 60% ou 70% do pote com uma mão um pouco mais fraca. Quando aposta 80% ou 90% do pote, parece que me queria ver fazer um call heroíco no river e extrair valor. Pensa nas mãos com que o teu adversário inicia a jogada tendo em conta a posição em que faz raise e vai eliminando mãos à medida que a jogada se desenrola.

Segue-nos no Twitter e Facebook para informações actualizadas no minuto.

Mais notícias

Torneios relacionados

jogadores relacionados

O que pensas?