Agora ao vivo
PokerStars Championship Barcelona

Steve O'Dwyer Vence Grand Final do PokerStars European Poker Tour (€1,224,000)

Steve O'Dwyer Vence Grand Final do PokerStars European Poker Tour (€1,224,000) 0001

A tradição já não é o que era e Steve O'Dwyer entrou na frente e ganhou mesmo o Main Event da PokerStars and Monte-Carlo® Casino European Poker Tour Grand Final (€1,224,000). O'Dwyer foi o melhor de um field de 531 jogadores, mas mais do que isso, bateu uma final table em que todos os jogadores pareciam ter sido escolhidos a dedo.

LugarNomePaísPrémio
1Steve O'DwyerIrlanda€1,224,000
2Andrew PantlingCanadá€842,000
3Johnny LoddenNoruega€467,000
4Daniel NegreanuCanadá€321,000
5Jake CodyUK€251,000
6Noah SchwartzEUA€189,000
7Jason MercierEUA€137,000
8Grant LevyAustrália€103,000

O primeiro jogador a ser eliminado foi o australiano Grant Levy. Levy começou o dia com a stack mais pequena e pouco ou nada pode fazer para a aumentar. Na última mão, Andrew Pantling fez raise para 83,000 e Levy optou pelo re-raise para 205,000. O canadiano fez call e o flop foi jack-high com duas cartas de paus. Pantling fez check call a 400,000 (all in) apostadas por Levy e mostrou {j-Clubs}{10-Clubs}. Levy tinha {a-}{k-} e com o turn a ser um {a-} Pantling fazia flush e estava selada a eliminação. Levy levava €103,000 para a terra dos cangurus.

O Team PokerStars Pro Jason Mercier foi o 7º classificado. Mercier entrou short, dobrou rapidamente mas nem assim conseguiu ir mais long. O norte-americano acabou all in pré-flop com {q-}{10-} depois de ter Johnny Lodden ter feito raise para 80,000 desde o cutoff. Mercier estava na small blind e viu o jogador ao seu lado, Pantling, acordar com {a-}{q-} na big. Pantling disse presente e Lodden fez fold, a board não ajudou Mercier e estava encontrado mais um eliminado (€137,000).

Depois de eliminar Mercier, Pantling voltava a liderar a contagem, aliás, a luta por esse lugar com O'Dwyer foi constante e só acabou no heads-up. Depois de uma hora sem eliminações, era tempo de mais um Team PokerStars Pro, no caso Jake Cody, ir para casa. Ainda assim, Cody não foi sozinho, Noah Schwartz foi eliminado na mesma mão. O Team PokerStars Pro Daniel Negreanu fez raise para 115,000 no cutoff e Schwartz foi all in no botão (630,000). Cody foi all in por cima (860,000) e Negreanu fez snap call. Cody tinha {j-}{j-}, Schwartz {k-}{10-} e Negreanu {a-}{a-}. Na mesa nada que ajudasse os jogadores all in e Negreanu ficava em excelente posição de ganhar o título que ainda lhe falta. Schwartz foi sexto e levou para casa €189,000, Cody embolsou €251,000 pelo quinto lugar.

Pantling começou o 4-handed com uma grande vantagem sobre a restante concorrência. Negreanu seria o próximo a ser eliminado depois de sofrer uma grande rombo na sua stack quando as suas {q-}{q-} foram batidas pelo {9-}{9-} de Lodden com um {9-} no turn. Negreanu ficou muito short e Lodden era agora o 2º em fichas. Pouco depois Lodden abriu para 110,00 com {a-Diamonds}{q-Diamonds} e Pantling fez call com {a-}{7-} no botão. Negreanu aproveitou as fichas no centro e foi all in de {4-}{4-} com 2,775,000. Lodden fez call e no river fez straight. Negreanu foi quarto e levou €321,000 para casa.

Depois deste resultado Negreanu salta para o terceiro lugar da all time money list logo atrás de Sam Trickett e Antonio Esfandiari, para trás dele estão agora nomes como Erik Seidel, Phil Ivey e Phil Hellmuth.

Steve O'Dwyer - Winner
Steve O'Dwyer - Winner

A acção 3-handed foi bastante forte e as coisas poderiam ter caído para qualquer um dos lados. A "fava" acabaria por ficar na posse de Lodden que foi eliminado por O'Dwyer. O norte-americano abriu para 150,000 com {a-}{10-} e Lodden fez re-raise para 400,000 com {a-}{j-}. O'Dwyer pensou um pouco e fez call. O flop foi {7-}{4-}{10-} e Lodden apostou 350,000, O'Dwyer fez call. O turn foi um {3-Spades} e Lodden foi all in de 1,450,000. O'Dwyer fez snap-call e o river foi um {k-Diamonds}, Lodden era terceiro e facturava €467,000. O norueguês é agora o terceiro na all time money list nórdica, atrás de Annette Obrestad e Jan Sjavik.

O heads-up entre Pantling e O'Dwyer começou com alguma conversa. Pantling, delicadamente, recusou fazer deal e começou o jogo. A liderança, ainda que curta, pertencia a canadiano, mas mudou de mãos várias vezes e no intervalo para jantar O'Dwyer estava à frente com 9.2 milhões contra 6.7.

Logo após o intervalo para jantar O'Dwyera aumentou a sua vantagem ao ganhar um grande pote. O'Dwyer abriu para 240,000 no botão e Pantling fez re-raise para 800,000 com {6-}{3-}. O'Dwyer fez call com {a-}{10-} e o flop foi {a-}{8-}{3-} rainbow. Pantling apostou 975,000, O'Dwyer fez call e o turn foi {q-Clubs}. Pantling apostou agora 1,575,000, O'Dwyer voltou a fazer call. O river foi um ás e ambos fizeram check. O'Dwyer levou este enorme pote e ficou a liderar com uma vantagem de 2 para 1.

Na mão final, O'Dwyer fez raise para 240,000 com {10-}{8-} e Pantling fez call com {k-Spades}{5-Spades}. O flop foi {8-Diamonds}{8-Spades}{j-Spades} e Pantling fez check call a 300,000, no turn aparece um {4-Spades} e Pantling fez flush. O canadiano fez check raise para 1,425,000 e O'Dwyer foi all in. Pantling fez insta-call. O river foi um {8-Clubs} e O'Dwyer fazia quads batendo o flush do adversário. Pantling foi segundo e levou para casa €842,000, O'Dwyer leva a vitória e ainda €1,224,000!

A acção volta amanhã ao principado do Mónaco com o Super High Roller de €100,000 e tu podes seguir tudo no Live Report da PokerNews Portugal!

Recebe todas as notícias da PokerNews através das redes sociais. Segue-nos noTwitter e no Facebook!

Mais notícias

O que pensas?