Agora ao vivo Live Stream André Coimbra PokerStars.pt

World Series of Poker Europe 2010: James Bord conquista o título no Main Event

james bord

A mesa final arrancou com nove jogadores ansiosos por conquistar o tão desejado título de campeão World Series of Poker Europe 2010 Main Event, torneio com mais estrelas que uma pequena galáxia. Foram 346 os jogadores que compareceram no Empire Casino mas apenas 9 jogaram a última mesa. Todos os finalistas têm um currículo interessante e uma boa hipótese de arrecadar o primeiro prémio e a bracelete.

Na pole position estava o popular Dan Fleyshmanque havia conseguido roubar a liderança a Roland Lee e na outra ponta da lista estava o finalista do EPT Marc Inizan. A estrutura conferia muita jogabilidade ao torneio, e julgando pelas mesas finais épicas de edições anteriores, as 12 horas que foram necessárias para terminar o evento pareceram pouco tempo. A fase inicial oscilava entre grandes movimentos (maioritariamente interpretados por Ronald Lee) e potes pequenos a serem levados sem showdown, até que um double up para o Francês abalou Nicolas Levi (corrida de par de dez frente a ás-rei de Roland de Wolfe) mudando a dinâmica do jogo pela primeira de muitas vezes. De Wolfe não teve grande sorte em situações de all-in pré-flop, perdendo mais tarde para Levi com um ás dominado deixando bastante short até a sua eliminação no 4º lugar.

Marc Inizan e Brian Powel viram-se all-in pré-flop com a mesma mão - par de oitos - frente a ás-rei de Ronald Lee. Um rei na board impulsinou a stack de Lee e eliminou ambos os seus adversários, Inizan em 9º e Powell em 8º. O ritmo de jogo a partir deste momento nunca mais abrandou.

Nicolas Levi parecia ter vidas de gato - fez com alguma frequência a última aposta pré-flop mas seria inevitavelmente pago; correu com rei-dama frente ao par de cincos de Lee para uma segunda dobra e depois manteve-se sossegado no topo do chipcount. Foi Danny Steinberg quem deu o primeiro golpe duro na stack do chipleader do início do dia, all-in pré-flop com reis frente a ás-dama de Fleyshman. Um flop com três dez deu umas outs divertidas a Fleyshman, mas este não acertou e teve de se resignar a jogar com uma stack de umas poucas big blinds. Assim que o nível subiu para 20k/40k, assinalou o fim da corrida de Fleyshman ao ouro WSOPE quando tentou um movimento com valete-dez frente o continuamente agressivo Lee que segurava rei-cinco. A mão de Lee aguentou e Fleyshman seria eliminado no 7º lugar valendo-lhe £118,643.

Foi por volta desta altura que os jogadores começaram a reparar no high-staker italiano Fabrizio Baldassari, que parecia escolher os seus spots para raise e 3-bet pré-flop impecavelmente. Ninguém viu as suas cartas durante um nível, durante o qual a sua stack subiu para uma posição top três. Entretanto James Bord, cujos fãs causaram sensação, teve direito ao seu primeiro double up numa corrida com valetes frente a ás-dama de Levi. Os valetes aguentaram e Bord começou a sua caminhada para a vitória.

Em sexto lugor ficou Danny Steinberg quando arriscou com ás-valete frente a par de quatros de Ronald Lee. O par aguentou e a sua prestação ficava-se por aqui, com um agradável prémio de £156,530. Lee continuava em grande e viria a eliminar Levi na quinta posição, com o seu rei-dama a acertarem no turn deixando o torneio com apenas quatro jogadores. Roland de Wolfe finalmente encontrou quem pagasse um dos seus open-shove em Fabrizio, cujo ás-oito se manteve na frente de rei-dama enviando o Triple Crown para casa.

Desde esta altura até o intervalo para jantar, foi o show de Ronald Lee. Agressivo em qualquer posição, a sua stack passou a marca dos 6 milhões, mais do dobro do italiano em segundo lugar. Apesar de James Bord se encontrar nesta altura na última posição, assim que voltou do intervalo a história foi outra. O que comeu ao jantar deu energia para acelerar, e depois do primeiro double up com ás-x frente a rei-dama de Lee, não houve quem o parasse. Esteve envolvido em vários confrontos e sai sempre por cima. No entanto, Lee ainda estava na frente, até que o seu ás-rei foi batido por ás-quatro de Baldassari num all-in pré-flop.

Com um novo chipleader, o pé de Lee não deixou o acelerador, mas depois de um fold pré-flop para um 4-bet shove de Baldassari ficou numa posição perigosa. Agora no findo da tabela, seria a sua vez de correr pré-flop os seus cincos frente a ás-rei de James Bord. Uns reis mais tarde e a stack gigante de Lee estava agora dividida entre os dois jogadores. Os adeptos de cada um apoiavam energéticamente.

Com o dinheiro e a bracelete na mesa, o heads-up continuou com um bom ritmo, mas a tentativa de Baldassari de terminar rapidamente o torneio falhou quando com dama-oito não conseguiu ultrapassar o ás-rei de Bord. Finalmente, um confronto par vs. par determinou o final do torneio - Baldassari com cincos e Bord com dez. O Inglês correu para o seu grupo de apoiantes e entre festejos recebeu a bracelete dourada e os £830.401 reservados para o primeiro posto.

O Live Report PokerNews.com tem o patrocínio da Full Tilt Poker. Inscreve-te através dos nossos links e aproveita os bónus e promoções que temos para te oferecer.

Mais notícias

O que pensas?