WSOP 2017 Agora ao vivo
2017 World Series Of Poker

Lendas do Poker - Thomas James Cloutier

Lendas do Poker - Thomas James Cloutier 0001

Thomas James Cloutier nasceu no dia 13 de Outubro de 1939, em Albany no estado da Califórnia. Com 69 anos de idade, Cloutier é um dos mais velhos e experientes jogadores ainda no activo. Foi também um talentoso atleta em quase todos os desportos Americanos, basebol, basquetebol e futebol Americano.

Não é de espantar que T.J tenha conseguido uma bolsa para a Universidade da Califórnia em Berkley, devido ao seu talento a jogar basebol e futebol Americano. Cloutier era um excelente "linebacker" e conseguiu ganhar um lugar na equipa onde jogou o mais antigo campeonato Americano, o Rose Bowl. Embora a Califórnia tenha perdido contra o Iowa, a carreira de Cloutier parecia ir de vento em popa. Contudo, Cloutier foi obrigado a deixar a Universidade quando a sua mão adoeceu, ele e o seu pai tiveram de arranjar dinheiro para as despesas médicas. Pouco depois disto, T.J foi chamado para servir no exército, o que não era raro nessa altura pois a América estava envolvida em várias guerras. Longe estaria ele de saber que este seria o grande início de uma carreira no poker, pois foi no exército que T.J jogou as suas primeiras mãos. Não demorou muito tempo até T.J ser temido pelos seus colegas, mas ele ainda estava muito ligado ao futebol e foi isso mesmo que fez após sair do exército. Assinou contrato com os Montreal Allouettes do Canadá e mais tarde transferiu-se para os seus rivais, os Toronto Argonauts.

Cloutier teve sucesso na Canadian Football League até que foi

Lendas do Poker - Thomas James Cloutier 101

novamente forçado a deixar o jogo. Agora era ele próprio que estava com problemas, após sofrer uma lesão no joelho. Esta lesão fez com que a carreira de T.J acabasse de forma abrupta, e levou-o de novo ao encontro do poker. Quando ele estava prestes a começar a encarar o poker de forma séria, o seu pai e o seu cunhado contagiaram-no com a ideia de criarem uma empresa, Best Quality Foods. O negócio fracassou, o que juntando ao fim da sua carreira e fim do seu casamento, levou Cloutier a atravessar uma fase difícil.

Para fugir a todos estes problemas, T.J mudou-se para o Texas onde começou a trabalhar para uma grande petrolífera. Como trabalhava na plataforma T.J passava uma temporada a bordo da mesma e depois descansava o mesmo período em casa. Durante esses períodos que passava em casa, T.J começou a trabalhar como caddy num campo de golfe. Normalmente, quando os jogadores e os caddies regressavam ao clube jogavam um jogo de poker. O Texas é o lugar de nascimento da vertente Hold'em do poker, e foi também onde começou a carreira de T.J Cloutier. Após uns anos, o jogo começou a ser lucrativo para ele, e começou a correr a região em busca de novos sítios onde jogar. Começou a ganhar mais dinheiro no poker do que na plataforma, e decidiu tornar-se profissional.

Desde 1983 que Cloutier joga torneios grandes, o primeiro registo de

Lendas do Poker - Thomas James Cloutier 102

uma grande vitória foi em Abril desse ano, quando ganhou ($43,000) um torneio de $2,500 No Limit em Las Vegas. Nesse mesmo ano fez a sua estreia nas WSOP, embora não tenha tido muito sucesso, não tardaria a que as vitórias chegassem. A sua vida privada também tinha melhorado, e em 1984 casou-se novamente, com Joy, que ainda hoje vive com ele. Desde 1985 que T.J faz pelo menos um ITM por ano nas WSOP, à excepção de 1986 e 2008. Não é portanto de estranhar que T.J seja considerado um dos melhores e mais consistentes jogadores de poker do mundo. O primeiro ITM de Cloutier não podia ter sido melhor, em 1985 ficou em 2º no Main Event, ganhando $280,000, após perder no head's-up para Bill Smith (A3 vs 33). Apenas 2 anos depois Cloutier ganhou a sua primeira bracelete nas WSOP, foi no torneio de $1,000 Limit Omaha onde ganhou $72,000.

Um ano depois chegou à final table do maior torneio do mundo. Desta vez acabou em 5º lugar, no torneio que deu a Johnny Chan a sua segunda vitória consecutiva no Main Event das WSOP. Mas Cloutier não tinha sucesso apenas nas WSOP, em 1990 ganhou 2 torneios com buy-in de $10,000, ganhando meio milhão de dólares. Em 1994, ganhou 2 braceletes nas WSOP, uma no torneio de $1,500 Omaha Hi/Lo ($135,000) e outra no torneio de $2,500 Pot Limit Hold'em ($163,000). A lista de resultados em torneios de Cloutier é interminável, e mesmo que olhemos apenas para os torneios grandes, temos muito para ver.

Até ao momento T.J já ganhou mais de 60 torneios e fez ITM inúmeras vezes. Em 1996 fez 4 final tables nas WSOP, e ganhou a sua 4ª bracelete em 1998. Foi o primeiro jogador a ganhar braceletes em todos os torneios de Omaha, Limit, Hi/Lo e Pot Limit. A sua 4º bracelete foi ganha após derrotar Doyle Brunson no head's-up ($136,000). Mas esta vitória não foi nada quando comparada ao feito que foi, ter chegado à sua 3ª final table no Main Event. Mais uma vez T.J não conseguiu ganhar, ficando atrás de Kevin McBride e Scotty Nguyen em 3º lugar ($437,000). Não demorou muito para que Cloutier batesse o recorde de $437,000 alcançados pelo 3º lugar, e apenas 2 anos mais tarde ficou em 2º lugar recebendo por isso $900,000.

Contente e sucesso em "casa" T.J nunca foi pessoa de viajar muito atrás de torneios e os seus 2 maiores resultados fora dos Estados

Lendas do Poker - Thomas James Cloutier 103

Unidos foram os $31,000 ganhos no Master Classics os Poker Main Event em Amesterdão (2000) e os $13,000 ganhos pelo 20º lugar no Poker Stars EPT de Copenhaga em 2007. T.J sabia onde estavam os grandes prémios e continuou sempre a alcançar final tables e ITM's nas WSOP. Em 2004, ganhou a sua 5ª bracelete, depois de ter ganho o torneio de $1,500 Razz ($90,500) e apenas um dia depois alcançou a 6ª bracelete no torneio de $5,000 Pot Limit Hold'em ($657,100), fazendo dele uma das maiores lendas do poker, mas sem uma bracelete do Main Event das WSOP. A sua vitória em 2005 foi ainda mais especial depois de ter desmaiado na mesa durante um torneio do WPT em Aruba. Após o desmaio Cloutier viajou imediatamente para os Estados Unidos onde lhe foi diagnosticado um tumor no cérebro. Pouco tempo depois a sua saúde voltou a não estar no seu melhor, e T.J sofreu um ataque de coração. Nessa altura ele apercebeu-se que talvez fosse melhor abrandar um pouco o ritmo, embora nunca desistisse do poker. Ainda nem tinha passado um ano e já Cloutier provava que os seus problemas de saúde não tinham afectado o seu poker.

Em 2006 voltou às WSOP e chegou à final table do primeiro torneio de $50,000 H.O.R.S.E realizado nas WSOP. Acabou em 5º lugar e juntou $500,000 à sua lista de ganhos em torneios, que por esta altura já chegava aos $9,3 milhões de dólares. Neste ano, T.J entrou para o Poker Hall of Fame, estando ao lado de nomes como Doyle Brunson, Chip Reese ou Stu Ungar. T.J pode ter abrandado o ritmo, mas ainda está longe do fim, não se surpreenda se o vir em mais final tables nos próximos anos. Quem sabe senão quebra a barreira dos 10 milhões em ganhos e sobe do 8º lugar em que se encontra na lista.

Como muitos outros jogadores, Cloutier decidiu passar para o papel as suas ideias sobre o jogo. Em conjunto com Tom McEvoy, escreveu 4 livros que pretendem tornar o leitor num campeão, como podemos

Lendas do Poker - Thomas James Cloutier 104

deduzir dos títulos: "Championship Tournament Practice Hands", "Championship Holdem", "Championship Omaha", e"Championship No-Limit and Pot Limit Hold'em". Dois anos mais tarde, escreveu um quinto livro, desta vez sozinho: "How To Win The Championship: Hold'em Strategies For The Final Table", onde explica como se deve jogar uma final table. Para aqueles que querem aprender praticando, existe o jogo "World Class Poker With T.J. Cloutier". Este jogo poderá ajudá-lo se alguma vez se sentar numa mesa com T.J Cloutier. Não se esqueça que ele observa tudo o que se passa na mesa e tem uma memória fotográfica fantástica. Por tudo isto, tenha cuidado se alguma vez jogar contra esta lenda do poker.

Mais notícias

Torneios relacionados

jogadores relacionados

O que pensas?