PokerNews Playlist: Volume 2

PokerNews Playlist: Volume 2 0001

Tanto para os jogadores que levam o poker um pouco mais a sério como para os jogadores casuais, Domingo é dia de grindar. Para aqueles que não gostam de jogar num estado meditativo, a música pode ser o elemento perfeito entre o silêncio e a distracção da televisão. Não sabe o que ouvir? Deixe que nós tratamos disso. A seguinte playlist está dividida nas três fases distintas da carreira de Bruce Springsteen. Prepare as colunas e deixe-nos ajudá-lo durante este dia.

É neste Verão que arranca a segunda parte da tour 2009 de Bruce {banner}Springsteen e a E Street Band. Para celebrar esse facto escolhemos 30 das nossas canções favoritas de Bruce e dividimo-las em 3 partes: início da carreira (1973-1982), meio da carreira (1983-1995) e últimos tempos (1996-2009). Uma longa tarde de domingo poderá ser perfeita para ouvir todas estas sugestões enquanto joga tudo o que mexe. Claro que todos os fãs de Springsteen têm a sua própria escolha, porque não passar no fórum e deixar lá a sua selecção? Ainda não é fã? Oiça esta playlist e no final estará rendido ao "Boss".

Início da carreira

Bruce Springsteen apareceu sob as luzes da ribalta no ano de 1973 com o álbum Greetings from Asbury Park, N.J.. A este seguiram-se alguns álbuns ecoando as necessidades de uma classe trabalhadora jovem, uma necessidade de fugir do mau que a vida pode ter.

"Does This Bus Stop At 82nd Street?"

"Incident on 57th Street"

"Rosalita (Come Out Tonight)"

"Thunder Road"

"Born to Run"

"Backstreets"

"Badlands"

"The Promised Land"

"Hungry Heart"

"The River"

"Atlantic City"

Meio da Carreira

O álbum de 1984 Born in the U.S.A é sem duvida o álbum mais popular de Bruce Springsteen. Contudo, só 18 anos depois é que a E Street Band voltou a colaborar novamente com Bruce (o Tunnel of Love não conta). O resto do material gravado nesta época não foi muito marcante, com excepção de The Gost of Tom Joad onde Bruce voltou ao acústico/folk.

"Dancing in the Dark"

"Glory Days"

"No Surrender"

"I Wish I Were Blind"

"Cautious Man"

"Lucky Town"

"Local Hero"

"Ghost of Tom Joad"

"Sinaola Cowboys"

"Straight Time"

Últimos Tempos

Foi preciso esperar 7 anos até que aparecesse a obra prima, pós 9/11 – The Rising. Neste álbum Springsteen voltou a trabalhar com a E Street band e os anos que se seguiram foram alguns dos melhores da sua carreira.

"Lonesome Day"

"The Rising"

"The Hitter"

"Jesse James"

"American Land"

"Radio Nowhere"

"Girls in Their Summer Clothes"

"Working on a Dream"

"The Wrestler"

Com alguma sorte, no próximo Domingo ficará alguns € mais rico. Todas as semanas estaremos aqui para lhe dar a banda sonora do sucesso.

Bem Conoley é um critico de musica que vive no Canadá. Trabalha como Editor na Punknews e já escreveu para a Alternative Press, Exclaim!, Chart, Canadian Musician. Actualmente faz parte do Polaris Music Prize jury.

Mais notícias

O que pensas?