Perfil PokerNews – Antonio Esfandiari

Perfil PokerNews – Antonio Esfandiari 0001

Assim que Antonio Esfandiari adquiriu uma grande stack no EPT Grand Final Monte Carlo 2008, começou a ouvir-se um murmurinho em toda a sala. Com uma vitória neste evento, Esfandiari tornar-se-ia no segundo jogador em toda a história do poker a conseguir a "Triple Crown", com uma bracelete World Series of Poker, uma vitória no World Poker Tour e também no European Poker Tour. Esfandiari atingiu a mesa final mas acabou por ser eliminado na 8ª posição deixando intacto o recorde pertencente a Gavin Griffin.

Antonio Esfandiari nasceu como Amir Esfandiari a 8 de Dezembro de 1978 em Tehran, Irão. A sua família mudou-se para os Estados Unidos quando ele tinha apenas nove anos de idade e estabeleceu-se em San Jose, CA. Esfandiari não falava uma única palavra em inglês quando chegou à Califórnia, mas rapidamente aprendeu a língua e depois foi para a escola. Os seus colegas de turma chamavam-lhe Anthony em vez de Amir, uma vez que ambos os nomes começavam com a letra 'A'. Esfandiari terminou o liceu, mas a 'festa' tornou-se mais importante que os estudos. Decidiu sair de casa dos seus pais e mudou-se para um apartamento num bairro mexicano, onde trabalhou como empregado de mesa. Foi aí que finalmente Anthony se tornou em Antonio.

Numa noite, enquanto esperava por clientes, viu um dos empregados do restaurante realizar um simples truque de magia. Ficou fascinado e procurou uma loja de magia para tentar descobrir como se fazia aquele truque. Esfandiari começou a treinar várias horas por dia os truques de magia e a apresentá-los aos seus clientes. As suas habilidades desenvolveram-se rapidamente e pouco tempo depois, deixou o restaurante e começou a trabalhar em festas como mágico.

Perfil PokerNews – Antonio Esfandiari 101

Enquanto Antonio trabalhava como mágico, um dos seus companheiros de quarto ganhava a vida como jogador de poker. Um dia esse seu amigo convidou-o para ir com ele ao casino vê-lo a jogar um torneio. Esfandiari ficou fascinado com o jogo e pouco tempo depois começou a despender de algumas horas para ir para os casinos de Bay Área jogar cash games.

Em Novembro de 2002, Esfandiari fez a mesa final de um dos primeiros torneios do World Poker Tour, o $3,000 buy-in 49'er Gold Rush Bonanza no San Francisco's Lucky Chances Casino. Nessa mesa estava também presente Phil Hellmuth, com o qual Esfandiari teve alguma 'trash talk'. Esfandiari terminou na 3ª posição e apareceu na televisão para todo o país. No verão seguinte foi para Las Vegas para participar nas WSOP e fez a mesa final do evento $2,000 No-Limit Hold'em, terminando na 5ª posição para um prémio de $34,060.

Em Fevereiro de 2004, Antonio Esfandiari venceu o L.A. Poker Classic, reclamando o título do World Poker Tour e mais de $1.4 milhões. Uma semana mais tarde fez mais uma mesa final desta vez no WPT Invitational, terminado no 6º lugar. Nesse mesmo verão Esfandiari ganhou a sua primeira bracelete WSOP ao vencer o evento $2,000 Pot-Limit Hold'em. Esfandiari estava em grande e foi convidado a participar em inúmeros programas televisivos, incluindo o "Poker Royale: Battle of the Sexes," "Poker Superstars Invitational," "William Hill Poker Grand Prix," "Poker Nations Cup," "High Stakes Poker" e "Poker After Dark."

Perfil PokerNews – Antonio Esfandiari 102

Em Abril de 2008, Esfandiari fez a mesa final do EPT Grand Final em Monte Carlo. Se o seu Q-Q tivesse aguentado contra o A-10, no dia anterior, provavelmente chegaria à mesa final como chipleader. Começou a mesa final em último na contagem de fichas e foi o primeiro jogador a ser eliminado. Esfandiari terminou na 8ª posição para um prémio de $265,835.

Esfandiari vive em Las Vegas, onde pode ser encontrado frequentemente a divertir-se na noite dessa cidade e continua a viajar pelo circuito para participar em torneios.

Mais notícias

O que pensas?