2008 WSOP Main Event, $10,000 NLHE, Dia 7: Dennis Philips Mantém Liderança Para a Final de Novembro

2008 WSOP Main Event, $10,000 NLHE, Dia 7: Dennis Philips Mantém Liderança Para a Final de... 0001

6,844 Jogadores estiveram presentes no início do 2008 WSOP Main Event no segundo maior field da história do WSOP. Depois de uma longa luta no Dia 7, restam nove. Dennis Philips tinha a liderança no início do dia, e quando a última ficha foi contada, o jogar mais velho do field estava ainda no topo.

O jogo recomeçou pouco depois das 12:30, com 27 jogadores ainda em prova. Nos primeiros 20 minutos, tivemos a primeira eliminação quando o A-9 de Michael Carroll não foi suficiente para ultrapassar o 4-4 de Gert Andersen num flop A-5-4. Ás 3:30am, mais de 15 horas depois, Dean Hamrick pegou no seu A-J e foi contra Q-Q de Craig Marquis. A board não ajudou Hamrick e a mesa final estava definida depois de encontrado o 10º classificado. Hamrick recebeu $591,869 pelo seu desempenho. O resto dos jogadores em prova recebe $900,670 que é o prémio garantido para o nono classificado.

Quando a mesa final arrancar, mais de três meses depois, saberemos mais sobre os "November Nine" do que talvez alguma vez se soube sobre uma mesa final – provavelmente até o número dos sapatos que usam. Mas no Dia 7, temos de navegar todo o caminho para saber como aqui chegaram num evento que certamente lhes vai mudar a vida, com mais de $24 Milhões do prize pool ainda por entregar.

Phi Nguyen era um de dois jogadores com duas braceletes ainda em jogo quando começou o Dia 7. Nguyen terminou em 26º quando fez reraise all in com A-10 contra J-J de Paul Snead. Levou para casa $257,334 naquilo que foi o 77ª presença em torneios onde chegou ao dinheiro na sua carreira.

Aaron Gordon, com 21 anos, era o jogador mais novo ainda em prova. Gordon fez limp preflop e depois reraise all in contra Darus Suharto. O Q-10 de Gordon não melhorou e Suharto levou o pote com J-J. Gordon terminou em 24º lugar.

Depois da eliminação de Phi Nguyen, Brandon Cantu era o único vencedor de braceletes ainda em jogo. Cantu ganhou a sua bracelete no 2006 WSOP $1,500 NLHE. Cantu ficou shortstack depois de fazer call uma aposta all in de Dean Hamrick preflop. Hamrick tinha A-A e Cantu virou um surpreendente 10-5. A board veio 8-7-5-8-10 e os dois pares de Hamrick eram melhores. Cantu empurrou o resto das fichas com 9-9 contra o {a-Diamonds}{q-Spades} de Peter Eastgate, e a boar trouxe quatro ouros eliminando Cantu em vigésimo lugar.

Peter Eastgate passou a tarde toda a construir a sua stack para arrecadar a liderança. Dennis Philip teve um começo menos lucrativo, mas voltou á luta depois de eliminar Nicholas Sliwinski em 13º. Philips fez flat call num flop {9-Hearts}{7-Hearts}{3-Hearts}. Philips faz call outra vez no turn {6-Spades}. E fez call do all in após o {9s] no river. Sliwinski mostrou {6-Hearts}{5-Diamonds} para dois pares enquanto Philips mostrou {k-Hearts}{q-Hearts} para flush.

Joe bishop dobrou dois jogadores, deixando-se muito vulnerável com apenas 11 jogadores em prova. Bishop foi all in com A-3 contra 2-2 de David Rheem. O A-3-5 no flop deixavam-no na frente, mas o 4 no turn não o deixava ganhar a mão terminando em 11º lugar.

A acção abrandou como se previa com apenas 10 jogadores em prova, já que ninguém queria ficar de fora da mesa final. Dean Hamrick acabou com o sofrimento e tornou-se o bubble boy. Jack Effel anunciou aos participantes entre os inúmeros aplausos, "Jogadores, podem sair e aproveitar os 117 dias de intervalo! Boa noite desde o World Series of Poker!"

Mesa Final $10,000 NLHE Main Event WSOP 2008

Dennis Phillips 53, St. Louis, Missouri, 26,295,000

Ivan Demidov, 27, Moscow, Russia, 24,400,000

Scott Montgomery, 26, Perth, Ontario, Canada, 19,690,000

Peter Eastgate, 22, Odense, Denmark, 18,375,000

Ylon Schwartz, 38, Brooklyn, New York, 12,525,000

Darus Suharto, 39, Toronto, Ontario, Canada, 12,520,000

David Rheem, 28, Los Angeles, California, 10,230,000

Craig Marquis, 23, Arlington, Texas, 10,210,000

Kelly Kim, 31, Whittier, California, 2,620,000

Mais notícias

O que pensas?