Marquito ganha 4ª Etapa do Brazilian Series of Poker Salvador – BA

Marquito ganha 4ª Etapa do Brazilian Series of Poker Salvador – BA 0001

A 4ª Etapa do BSOP – Brazilian Series of Poker – aconteceu nesse final de semana, nos dias 10 e 11 de Maio, na capital da boa terra, Salvador – BA, realizado no Hotel Blue Tree. Com início às 14:00h do sábado, e uma estrutura de blinds perfeita para o desenvolvimento de um excelente jogo, com 15000 fichas iniciais e mudança de blinds a cada 45 minutos, 93 jogadores de todos os cantos do Brasil se encontraram para mais uma grande confraternização do poker nacional.

Os principais nomes do cenário nacional que compareceram a esse evento foram os consagrados Leandro Brasa Pimentel, Léo Bello e Felipe Mojave, além de nomes conhecidos principalmente no on-line como Rafael Kaiaffa, Gabriel Almeida, Joel Oliveira (tentando o título em casa), Aranha, Vitão, Claudião e Jô Baptista, além do pessoal já famoso de Cuiabá, liderados pelo Sr. Serjão, entre tantos outros.

O torneio começou de forma agressiva, e a primeira eliminação não demorou mais do que 10 minutos para acontecer e Ricardo K foi eliminado após acertar top pair (J) no flop, e encontrar o adversário PC com par de Damas. PC que algumas mãos depois perdeu um pote grande para Mandacaru, voltando ao stack inicial.

A primeira estrela eliminada foi Felipe Mojave, pouco antes do break, quando ele acertou dois pares no flop, com KJ, mas um segundo 9 no river deu a Vitor, que tinha AA, dois pares de Ases e Noves, contra o KKJJ de Mojave.

Nesse momento o Chip Leader era Pedro Lazar, com 43.000 fichas, e tínhamos 76 jogadores ainda na disputa, que iria se encerrar no 11º nível de blinds.

Após o retorno do break, a ação continuou, assim como as eliminações que seguiram acontecendo. E Leandro Brasa foi um deles. Após Um re raise pré flop, Brasa anuncia all in no turn, com {k-Spades}{10-Diamonds}{3-Clubs}{k-Diamonds} no bordo, e é pago por Wellington, que mostra {a-Clubs}{10-Hearts} contra o {a-Hearts}{j-Spades} de Brasa. O river não ajudou Brasa, eliminado do torneio.

Pouco antes do segundo break, o campeão da etapa do Rio de Janeiro do BSOP, Cláudio Sobral foi eliminado, pelo ainda Chip Leader Pedro Lazar, após ficar short stack e mover all-in com A8, enquanto Pedro tinha AK.

E ainda havia tempo para mais uma eliminação. Rafael Kaiaffa, jogador patrocinado pelo Best Poker, foi eliminado após colocar todas as fichas no pote pré flop contra Nilson. Kaiaffa abriu um par de setes, enquanto Nilson tinha par de Reis. Nada ajudou e Rafael foi eliminado.

Após o retorno do break, e o início do nono nível de blinds, 47 jogadores dos 93 iniciais ainda lutavam para chegar ao dia 2 do evento. Destes 47 jogadores, somente 30 conseguiram chegar ao segundo dia. Um dos jogadores que não chegaram foi o Sr. Pedro Lazar, líder do torneio por boa parte do tempo, e que se envolveu em uma mão com Caio, pouco antes do final do dia, de AJ x 99 de Caio. O par de noves foi o vencedor, e Pedro acabou ficando com pouco mais de um blind, sendo eliminado na seqüência.

A última eliminação do dia aconteceu quando Vitor Lemos resolveu ir all-in de JT, e acabou sendo pago por Marco Moraes e Cláudio Baptista. Marco Moraes levou o pote com AQ, eliminando Vitor.

No final do primeiro dia os 30 jogadores que passaram foram esses:

1 Marquito Rebibout 113000

2 Guedinho 76900

3 Tico Viana 73800

4 Caio Pimenta 67800

5 Matheus Souza 65900

6 Portnoi 64900

7 Nilson 64100

8 Paulo Souza 61200

9 Juan Mamão 59600

10 Silvia Juliana 53100

11 Cláudio Baptista 52400

12 Cláudio "Já Morreu" 50800

13 Pedro Hugo 50700

14 Mauro Assunção 48800

15 Calisto Ribeiro 45200

16 Joel Oliveira 44600

17 Alexandre Rapold 43600

18 Ivan Barrua 41000

19 Guto Bowler 36300

20 Wellington Barros 34200

21 Marius Sveberg 33200

22 Mauricio Costa 31900

23 Vicente Chanaud 31800

24 Marco Moraes 30800

25 Aranha 28600

26 Carlos França 26600

27 Jô Baptista 26000

28 Maurice Ciana 22800

29 Egas Campos 12100

30 Victor Marques 9900

Início do segundo dia, era hora de saber quem seria o campeão da 4ª Etapa do BSOP, além dos mesa-finalistas, que receberiam a premiação conforme descrito abaixo:

1º - R$ 23.000,00 + Pacote para o Conrad + Buy in para o Torneio dos Campeões

2º - R$ 14.000,00

3º - R$ 9.100,00

4º - R$ 7.600,00

5º - R$ 6.400,00

6º - R$ 5.200,00

7º - R$ 4.200,00

8º - R$ 3.300,00

9º - R$ 2.500,00

10º - R$ 1.700,00

A ação no segundo dia começou por volta das 16:20, e os jogadores se dividiram em três mesas. Aranha, que começou o dia short-stack, conseguiu dobrar suas fichas logo no inicio do dia, quando se par de Reis ganhou do par de Valetes de Nilson.

Após algumas eliminações, como dos jogadores Nilson, Alexandre, Marius, Wellington e Maurice, Jô Baptista foi eliminada. Após dar um re-raise all-in contra Aranha, Jô mostrou par de Setes enquanto Aranha tinha AK. Um K apareceu no turn dando a vitória para Aranha e tirando Jô do torneio na 20ª posição.

Joel Oliveira foi outra vítima de Aranha. Aranha abriu raise no cut-off e Joel voltou all-in... Aranha, comprometido com o pote pagou de KT x A7 de Joel. Aranha acabou fazendo uma seqüência no river, e Joel, após ficar short stack durante boa parte do dia, foi eliminado na 16ª colocação. Aranha se tornava neste momento o líder em fichas no torneio, com aproximadamente 170 mil fichas.

Cláudio Baptista foi outro jogador que acertou o seu jogo no segundo dia, e após eliminar o jogador Barrua, também cresceu sua pilha de fichas, praticamente se garantindo na mesa final.

O último jogador eliminado antes da mesa final foi Maurício, que foi eliminado por Silvia, a única mulher ainda na disputa. Maurício foi "salvo" pelos finalistas, que cederam R$ 100,00 do premio de cada para pagar o Buy-in dele.

A mesa final ficou assim:

1 - Calisto - 261.000

2 - Silvia - 203.500

3 - Paulo Souza - 175.000

4 - Cláudio Batista - 148.000

5 - Tico Viana - 140.000

6 - Marco Morais - 131.500

7 - Mamão - 109.500

8 - Marquito - 96.500

9 - Aranha - 70.000

10 - Matheus - 67.000

O jogo começou tenso na mesa final, e não tivemos eliminações nos primeiros níveis de blinds. Com os blinds já em 7.500/15.000 fichas, Aranha foi eliminado do torneio. Ele anunciou all-in do UTG e foi pago por Marco. Aranha mostrou A9 e Marco QQ. Marco acabou fazendo um full-house e Aranha acabou como o 10º colocado.

Marco que seria o próximo eliminado. Ele entrou de all-in com par de Dez, e encontrou par de Damas nas mãos de Matheus. Nada ajudou e Marco acabou com a 9ª colocação.

A oitava colocação foi de Cláudio Baptista, que anunciou all-in de K9 e foi pago por Paulo Souza no big blind. Paulo tinha 76 e um 6 no turn lhe deu a vitória.

A próxima eliminação foi do jogador Mamão. Ele anunciou all-in com par de dois e foi pago por Marquito, que estava no big blind. O flip coin se decidiu no turn, quando um J apareceu e deu a vitória a Marquito, tirando Mamão na 7ª posição.

Logo depois, Tico foi eliminado do torneio. Ele que havia quebrado KK com A6, e dois 6 no flop, apostou todas suas fichas no small blind de J9, e foi pago por Marquito no big. Marquito tinha Q9. No flop uma Dama selou o destino de Tico, que acabou com a 6ª colocação.

Em cinco, os jogadores fecharam um acordo: cada um ganharia R$ 10.000,00 e um prêmio extra de R$ 7.000 para o 1º e R$ 3.000 para o 2º.

Após o acordo, Matheus foi eliminado por Calisto. Ele tinha KQ e Calisto AT. Nada ajudou e ele terminou como quinto colocado.

Calisto que acabaria em quarto. Ele pagou um all-in pós flop de Marquito, com {k-Diamonds}{j-Spades}{5-Hearts} no bordo. Calisto tinha par de Damas, e Marquito {k-Hearts}{q-Clubs}.

A contagem de ficha, em três jogadores mostrava larga vantagem de Marquito. Ele tinha 900 mil fichas, contra 300.000 de Silvia. Com 100.000 a menos estava Paulo. Mas o terceiro lugar ficou mesmo com Silvia, que anunciou all in de KT e Achou AJ nas mãos de Marquito. Um valete ainda apareceu no bordo, e Silvia fez história com sua 3ª colocação. Jamais uma mulher tinha chegado tão longe em uma etapa do BSOP. Parabéns Silvia.

O heads-up começou com Marquito e suas 1.150.000 fichas contra Paulo com 250.000 delas. A luta pelo título foi relativamente rápida, e após pagar um all-in com A8, Paulo esperava dobrar e equilibrar o jogo quando Marquito mostrou JT, mas um valete no flop mudou as coisas, e sem ajuda do turn e river, Paulo acabou como vice-campeão da 4ª Etapa do BSOP.

Marquito, além do troféu de campeão e da premiação em dinheiro, ganhou ainda um pacote para o Conrad Hotel & Resort e a entrada para o torneio dos campeões.

Parabéns a todos envolvidos no torneio. Guga, gente fina , Nutzz eventos, todos os jogadores e em especial ao Marquito, o grande Campeão da 4ª Etapa do Brazilian Series of Poker.

Mais notícias

O que pensas?