Agora ao vivo Live Stream André Coimbra PokerStars.pt

Saga: A Caminho de Vegas – Chiró

Saga: A Caminho de Vegas – Chiró 0001

Já estão fazendo as malas alguns dos maiores craques brasileiros do pano.

Vamos apresentar hoje alguns que tiveram destaque já ano passado:

Robert Chiró

Faz parte da segunda geração de uma massa vietnamita que emigrou ao Brasil inícios do século passado.

Diz que trabalha, na realidade quem trabalha é a Roberta, alias só vou falar isso porque ela tem treinamento militar e sou argentino mais não sou tatu e posso levar tiro.

O jovem e distinto mancebo que nos carinhosamente chamamos de Chiró conseguiu ano passado a sua vaga para o WSOP numa clara amostra do que foram os alicerces do Poker Brasileiro.

Amizade, garra e total disposição em ajudar o outro.

Já contei mas não custa contar de novo.

Voltou Chiró uma madrugada dessas totalmente tiltado após perder no Omega a possibilidade de forrar tomando uma baita bad beat.

Chamou no Skype dizendo que tinha uns trocados e estaria engatando num satélite do Full Tilt Poker que daria uma vaga a outro satélite que valia uma entrada ao WSOP

Ele fez em primeiro e entrou no Torneio que tinha 112 jogadores com uma vaga garantida.

Nem ele nem eu tínhamos a mínima suspeita do que iria acontecer essa noite.

Papo vai, papo vem, o jogo foi indo, churrilhou muito, porém lembro que uma mão ele tinha {k-Spades} {k-Diamonds} e nem completaram o BB dele.

Ou seja, normal, como sempre reclamando do software e falando no Skype de bois perdidos.

Passou o segundo breack e como a conversa tava boa, Chiró é um cara para amanhecer batendo papo com ele, e o torneio andando.

Já pensamos mais seriamente, será que bate?

Eu não sei do que estava conversando em outra tela com o Igor Federal quando nos tocamos que estávamos na bolha da FT.

Uma mão de {a-Clubs} {5-Diamonds} flopando sequência nos deixou grandes e pela primeira vez achamos que daria.

Restam sete caras e o Chiró na cabeça e a gente naquela de....Será?

A partir desse momento foi uma das coisas mais lindas que eu passei na minha vida no Poker.

O Federal morava em Campinas naquela época e a conexão dele era uma bosta, mas mesmo assim ele conseguiu ficar na conferência connosco e abriu a tela.

Cai mais dois e o inesperado acontece.

Chiró some do Skype e fica sit out.

Federal e eu nem entendíamos nada.

Ligo para o célula e o Chiró me diz, Tevez caiu tudo aqui, assume a bagaça!!!

Perai, entre eu e o Federal que está na conferência vamos deixar pilotar quem é da área nem?

Passa a senha infilizzzzzzzzzzzzzzzzzzzz…

Federal assume com quatro jogadores e o Chiró em último em fichas, não lembro certamente mais era tipo assim.

Fulano 350000

Sicrano 280000

Mengano 180000

Chiro 40000 após ficar quase 5 minutos sit out com 5000/10000 os blinds.

Vamo Tevito, vamo botar o cara em Las Vegas diz o Federal.

- Igor ou você comeu xixi ou bebeu cocó - com esse stack nunca vamo fazer nada- respondi.

Aula, aula de um maestro do poker a partir desse momento.

Fomos de 40k a 140K sem mostrar as cartas e após um magistral call derrubamo um e ficamos de igual em 3 jogadores.

Putz, queria ser bom o suficiente para escrever aqui a emoção que foi o que ia acontecer.

Tiramos mais um numa magnífica leitura do Igor que deu call com o segundo par na mesa e fomos para o HU.

A cena era até engraçada se não fosse tão tensa.

Eu com a tela na minha frente, com o fone de ouvido ouvindo o Igor e com o celular na outra orelha falando ao Chiró o que estava acontecendo.

Chiró estava mais do que agoniado, e Federal falando, avisa ao seu amigo que ele ESTA EM LAS VEGAS VOU LEVAR A BAGAÇA.

Não deu outra top pair de valete e slow pra cima do cara e levamos a vaga.

O Chiró gritava, eu tava no meio falando o que um dizia para o outro.

Federal dizendo, viu nosso amigo vai pra Las Vegas, Tevez tu é pé quente dois dias atrás juntos no skype com a Zebra saiu a minha vaga, ontem o Brasa e hoje o Chiró.

Chiró fez a promessa de que se ganhar o WSOP daria o barco de presente a mim e o campineiro.

Chiró dizia que amava o Federal que amava o Tevez que amava a comunidade porque isso não era só amizade, isso era uma fraternidade mesmo.

Tava certo o vietnamita, a partir dessa data eu chamo todos de Irmau.

O tempo passou, engraçado que parece que foi a 20 anos atrás.

O sucesso e os negócios nos afastaram um pouco.

Hoje vivemos cheios de tarefas, lembro agora que não fizemos nenhuma conferencia no Skype ainda este ano, que estamos empurrando o Poker Brasileiro para cima.

Os negócios nos afastaram, viramos concorrentes e continuamos amigos…

Olha o que mudou nosso esporte, parece que passaram 20 anos

Tenho 100000 de histórias para contar, porém esta é com certeza a que mais me comoveu e vou lembrar dela sempre e contar a quem quiser ouvir.

Uma fria noite de Maio, Igor Federal nos deu uma aula de Poker, eu me senti útil pra caramba e o Chiró arrumou as malas para Vegas.

Saga: A Caminho de Vegas – Chiró 101

O Titulo do WSOP não chegou, Chiró foi lá e forrou bonito, uns 25k, as inúmeras brigas minhas com o Federas a respeito de quem ficava com qual parte do barco, quem pagaria o IPVA, eu queria passar ele pro GNV por causa da gassosa ficaram na lembrança.

Viva o Poker Brasileiro.

Fuiiiiiiiiiiii

Mais notícias

O que pensas?