PokerStars.com EPT Monte Carlo, dia 4: Chorny na Frente

PokerStars.com EPT Monte Carlo, dia 4: Chorny na Frente 0001

Glen Chorny será o chip leader no início do dia 5, "quase" mesa final. Doze horas após terem sido ditas as palavras mágicas "shuffle up and deal", o Poker Stars EPT Grand Final deu o dia por encerrado, sem terem chegado aos "normais" 8 jogadores para a mesa final. Por isso 10 jogadores começam hoje o dia ás 12:00, duas horas antes do que inicialmente programado.

Glen "DrC" Chorny tem tido um ano bastante agradável até ao momento; ganhou um evento no World Poker Open de Pot Limit Omaha e terminou em 13º no PokerStars EPT Caribbean Adventure. Mas aconteça o que acontecer hoje, Chorny já tem garantido mais do que recebeu nos dois eventos juntos. António Esfandiari, que começou o dia 4 como chip leader, também regressa para o dia 5.

O Campeão do WSOP de 2005, Joe Hachem, começou o dia 4 como uma das short stacks, mas não perdeu tempo ao dobrar com um par de damas contra um par de valetes de Mostafa Belkhayate. Freddy Deeb, que também tinha acabado o dia algo short, não teve a mesma sorte num confronto contra um par de valetes. Deeb, vencedor do evento HORSE no WSOP de 2007, foi all in com {a-Spades}{10-Clubs} contra {j-Hearts}{j-Spades} de Thomas Boekhoff, mas não teve ajuda da board e foi eliminado em 30º lugar. O participante na mesa final do WSOP de 2007, Raymond Rayme, foi outro short stack que não encontrou o caminho da vitória e foi eliminado em 27º lugar quando as suas damas foram contra ases de Miara David.

Ontem foi dia de recorde, com pai (Cláudio Pagano) e filho (Luca Pagano) a serem os primeiros a fazerem simultaneamente um "In the Money" no EPT. Ontem Claudio foi eliminado na 22ª posição, quando foi all in com {a-Diamonds}{4-Diamonds} numa board {k-Diamonds}{q-Clubs}{6-Spades}{a-Clubs} ao qual Denes Kalo fez call com {a-Hearts}{q-Spades}. O river foi um {3-Hearts}, deixando Luca a jogar sozinho. Mas Luca continuou a jogar bem e conseguiu passar ao dia 5.

Johnny Lodden começou o dia 4 em quarto lugar na contagem, mas a meio do dia, Lodden perdeu 2 grandes potes all in pre-flop que o deixaram em 17º lugar. Nas duas vezes partiu na frente das corridas frente ao mesmo jogador, Henrik Gwinner da equipa T6. Lodden tinha JJ contra KQs e mais tarde 88 vs AJs.

Chorny chegou a chip leader com a eliminação de Oyvind Riisen. Todas as fichas foram para o meio num flop {8-Spades}{3-Spades}{q-Diamonds}. Oyvind tinha nut flush draw com {a-Spades}{7-Spades}, enquanto Chorny tinha {k-Hearts}{q-Spades}. Riisen terminava assim em 15º lugar, pois o turn e river não trouxeram nada de novo.

Durante todo o dia Joe Hachem interpretou da melhor forma o coelhinho das pilhas Duracell; parecia que nunca mais acabava. Infelizmente, para Hachem, foi a ultima eliminação do dia 4, quando faltavam apenas alguns minutos para jogar. Numa board {4-Clubs}{10-Clubs}{3-Spades}, ambos os jogadores foram all in. Isaac Baron tinha Hachem dominado, com {j-Diamonds}{10-Spades} vs {10-Diamonds}{6-Spades}. Um {5-Spades} deu a Hachem mais outs já que ficava com projecto de sequência aberto, mas um {a-Clubs} no river acaba por deitar por terra as aspirações de Hachem. O jogador da Equipa Poker Stars termina em 11º lugar e leva para casa €101,000.

Classificação para o dia 5:

Glen Chorny - 3,370,000

Isaac 'westmenloAA' Baron - 2,365,000

Michael Martin - 1,579,000

Maxime Villemure - 1,220,000

Denes Kalo - 957,000

Antonio Esfandiari - 735,000

Luca Pagano - 705,000

Valeriy Ilikyan - 650,000

Stig Top Rasmussen - 590,000

Henrik Gwinner - 466,000

Mais notícias

O que pensas?