Agora ao vivo Unibet Open Bucharest

Vinicius Marques - Um Gênio

Vinicius Marques - Um Gênio 0001

Uma das coisas que a geografia me complica é o fato de não ter um contato mais continuo com o Vini.

Vini foi o primeiro a publicamente debater o exagero no rake do Poker Live, hoje vivemos uma realidade diferente e ninguém quebrou, conforme ele anunciou.

Ele aparece pouco, porem quando escreve o faz com uma qualidade de análises impar, vamos ver se sou capacitado suficiente e tiro dele um pouco das coisas boas na entrevista

Vini o rake está hoje de acordo ao que você reivindica desde final de 2005?

R- Tevez primeiramente obrigado pelo espaço e acho que vocês estão fazendo um jornalismo muito profissional e transparente. Quanto ao rake acho que evoluímos bastante desde 2005, no entanto ainda estamos distante de uma realidade ideal (algo que provavelmente só viria com a legalização do nosso jogo), mas nos moldes atual o rake dos torneios vem abaixando e tornando os torneios uma opção para os jogadores se tornarem lucrativos, acho legal a iniciativa do pessoal de tentar fazer obviamente na medida do possível algo mais interessante, isso no longo prazo vai favorecer a todos.

Agora no cash-game live do Brasil as coisas andam bem longe de estarem razoáveis, o rake é exageradamente alto e a grande maioria das pessoas responsáveis por isso (não posso generalizar, pois existe muita gente séria e honesta trabalhando por isso) não entendem que seria mais interessante investir num expertise jurídico e tentar primeiro de tudo liberar totalmente a modalidade, pois todos nós sabemos se tratar de um jogo de habilidade.

Ao invés disso criam jogos fantasiosos (pois dão créditos em demasia para os jogadores que jogam por entretenimento e cobram um rake exagerado por isso e o profissional por falta de opção tem de enfrentar esta situação), não é uma crítica é apenas uma opinião e respeito todos os profissionais da área, pois tenho muitos conhecidos e alguns amigos pessoais que são empresários sérios, porém minha opinião é esta.

Acho que aos poucos podemos fazer coisas melhores a longo prazo pelo Texas. Ou seja: Minha posição quanto ao rake de torneios é de que melhorou muito e os organizadores estão cada dia mais tentando empreender com responsabilidade e fazendo algo melhor para o público quanto ao rake sobre o cash-live é que estamos engatinhando ainda e temos muito o que melhorar (não generalizo nunca, é apenas uma visão macro).

Vini crescemos, porem estamos muito desordenados ainda, que falta?

R-Acho que em relação aos jogadores crescemos muito, muito mesmo. Acho que temos um dia cada dia maior e a prova disto são os resultados obtidos no mundo on-line...são muito impressivos os resultados de uma galera da nova geração como o Thiago Decano, Hugo Adametes galera que vem pegando pesado no on-line mesmo...Isso sem esquecer dos jogadores renomados e que já não precisam provar mais nada para ninguém. Sempre tem um Brasileiro chegando (vide a conquista do Luizinho no Second Chance), temos um circuito nacional, circuitos regionais, acredito que aos poucos vamos atingindo um grau maior de profissionalização, e nisso o trabalho de vcs é invejável, pois sem uma mídia qualificada nada disso seria divulgado.

Acho a legalização do poker muito difícil, que você me diz ao respeito?

R-Também acho muito difícil, mas acho que se os organizadores, empresários e gente que tem interesse nisso se unir pode facilitar, para mim o caminho é o tal da expertise jurídico que nada mais é do que fazer uma proposta de lei com peritos jurídicos e fazer um vasto trabalho, eu mesmo já consultei advogados especializados e quase todos acreditam que esse é o único caminho. Certamente isso não é barato nem simples, pois juntar todo o material que rodeia o Texas pelos diversos sistemas jurídicos não é nada simples, mas todos ganhariam no longo prazo,caso contrário acho muito difícil vencer o preconceito da sociedade que ainda encara o Texas como jogo de "azar".

Esses seus amigos, Carabina e Bombeta são garantia de fortes emoções, fala pra gente um pouco mais deles.

R-São excelentes amigos e somos muito ligados, aliás, temos uma turma muito bacana e muito unida de verdade. Quanto ao Carabina é uma figura sensacional, um virtuoso no game e na vida, passamos muito tempo com debates inteligentes e somos muito próximos de verdade, ele para mim é um dos grandes valores que temos no Texas e certamente voltará a estar no auge num futuro próximo. Quanto ao Bomba,um grande amigo também um gênio de verdade, joga o jogo mesmo tem excelente leitura,olfato apurado e gosta muito de jogar(quando não tem jogo ele fica sem horizontes... somos muito amigos e sempre estamos debatendo jogadas e concepções de vida.

Gostaria de mencionar os outros membros do nosso clã, pois como disse somos muito unidos de verdade: Rodrigo Garcia que para mim é um grande amigo e um grande exemplo.Definitivamente um dos maiores players do país. E o nosso time Tb conta com figuras ímpares e geniais como Matias Perez(um gênio),Lelé Guarita(brother e gde jogador),Tigre e Rubão (meus primos irmãos que vem começando a se destacar),Eduardo Marra(sempre subindo) Fábio Filho(parceirão) e o grande Martín Crosa que desde Montevideo vem arrasando nos SNG´s. E pode ter certeza de que com esta galera emoção é o que não vai faltar.

Como é ser irmau do Vitão?

Vinicius Marques - Um Gênio 101

R-Meu irmão é a pessoa que mais amo no mundo, o cidadão mais culto que conheço e de uma inteligência rara. É um cara super sociável e carismático e se não bastasse tudo isso um baita de um jogador, um dos melhores que conheço. Tem muita aptidão para torneios e SNG´s turbo e já demonstrou isso muitas vezes mas tenho certeza de que os melhores feitos dele estão por vir! Fico muito feliz de poder dividir 24hs por dia com ele e me sinto um privilegiado, tenho de agradecer tudo a minha família pois nos apoiarem sempre e olha que não é fácil pois todos temos momentos difíceis mas quando a base é boa tudo dá certo.Valeu Pai e valeu Mãe por tudo que vocês fizeram e fazem por mim e pelo Vitão!

E de domínio público que Vini é dos jogadores mais fortes de cash live do Brasil, conta tudo!!!

R-Tive 2 anos muito bons 2005 e 2006, e 2008 certamente será um belo ano! Acredito que tenha me adaptado bem ao Pot Limit que se joga aqui no Brasil,pois é MT diferente pois os jogos muitas vezes são 11-handed e super deep stack, então a estratégia é muito diferente...Quanto mais deep stack é jogo maior tem que ser o seu jogo, pois acredito que um dos jogos mais fascinantes e onde a habilidade se manifesta seja no jogo deep-stack, porém com 11 caras na mesa é difícil, então acredito que o jogo é um mix de Texas e Omaha, pois sempre tem o jogo máximo ou quase máximo. Imagina jogar um jogo loose de 11 ou 12 caras.

Acho que entender esta diferença e conhecer os parceiros e as nuances do Pot Limit versão tupiniquim me fizeram ser um grande ganhador, e os freqüentes debates com Rodriguinho, Bombeta, Carabina, Zidane, Vitão e João Marcelo sempre foram muito úteis para todos nós para melhorarmos nossa compreensão da nossa versão do cash-game.

Conta sua vida no Xadrez?

Vinicius Marques - Um Gênio 102

R-O Xadrez é um jogo formidável, uma ginástica da mente mesmo....Aprendi a mover as peças aos 11 anos motivado pelo match Karpov x Kasparov de 1990, em 92 joguei meu primeiro torneio oficial e em 93/94 fui bicampeão paulista da minha categoria e vice-campeão brasileiro em 95. Joguei os Mundiais sub-18 de 1995/96. Em 95 me coloquei entre os vinte melhores do mundo da minha categoria. Em 1998 conquistei o título de campeão brasileiro Juvenil a frente do GM(Grande Mestre) Giovanni Vescovi. Aliás, o fato da minha geração ser super forte me estimulou muito, pois meus contemporâneos eram Giovanni Vescovi, Rafael Leitão, Rodrigo Fernandez...Uma galera da pesada mesmo!

Vinicius Marques - Um Gênio 103

Estive um tempo na Espanha em 1998, na Argentina fiquei bastante tempo e joguei torneios abertos no mundo todo, me dediquei de verdade e sofri um pouco com a falta de incentivo, mas superei isso e consegui bons contratos no Brasil e na Espanha. E dentre o período de 2002 a 2003 conquistei os resultados necessários para meu título de Mestre Internacional (MI). Logo depois veio a febre do poker, mas em 2005 consegui resultados expressivos como a vitória contra o GM Ruben Felgaer (então numero 45 do planeta) e uma excelente colocação na Copa Itaú em São Paulo.

O Xadrez só me fez ser uma pessoa mais feliz e viajei, conheci muitos lugares, aprendi outros idiomas, em síntese foi excelente para minha vida! Dentre os meus resultados de maior expressão estão o empate contra o campeão mundial de computadores o Schredder 7.0 em Buenos Aires 2003, torneio ainda onde empatei com a lenda Argentina GM Oscar Panno e ganhei de alguns jogadores de renome. Estou meio afastado mas quero voltar a jogar alguns torneios...(inclusive neste ultimo fim de semana disputei o torneio paulista por equipes e pude ajudar minha equipe o EC.Pinheiros a fazer uma boa figura.) Thanks Chess!

Que você precisa de desapareça do poker brasileiro?

R-Acho que não colocaria desaparecer, mas sim remodelar a estrutura do jogo live em especial a de cash-games.

Que com a sua experiência precisa o nosso jogo para ser melhor?

R-Ter mais intercâmbio entre os jogadores, acho que palestras, cursos seriam algo muito interessantes. O Akkari, CK, Raul têm iniciativas muito bacanas e eu acho que o caminho é por aí...Estamos melhorando muito, o livro do Leo Bello e do Brasa também contribui muito para a evolução do jogo...Não tinha lido o livro até então e o achei muito didático e muito interessante. Parabéns a todos com estas iniciativas!

Agora você diga tudo o que quiser pra encerrar

R-Muito obrigado pelo espaço sei que sou um sujeito polêmico, mas acima de tudo um cara com opinião e acho muito legal este espaço para integrar os jogadores e fico feliz de termos uma cobertura jornalística deste nível no nosso nobre jogo. Estou a disposição para contribuir sempre com vocês e sempre em prol do poker! E para finalizar agradecer a quem sempre me deu apoio para eu conquistar o que conquistei, seja no poker, xadrez, negócios e na vida que são meus pais e meu irmão.

E para quem quer se dedicar ao poker...Estude muito, jogue bastante e tente ser muito crítico (acho que o auto-conhecimento é a base do sucesso!)!

Lá se vai Vinicius Marques, esse tem um QI de mais de 400!

Obrigado Vini sou teu fá!!

R-Tevez um grande abraço meu irmão e feliz aniversário para vc. Dê um grande abraço em todo o time aí! E vamos nos ver mais!!!

Mais notícias

O que pensas?