Agora ao vivo Unibet Open Bucharest

Entrevista com Green Plastic – Profissional Taylor Caby – Parte 1

Entrevista com Green Plastic – Profissional Taylor Caby – Parte 1 0001

Taylor Caby é um jogador de poker profissional de eleição, mas, ao contrário de muitos outros, os espectadores nunca ouviram Mile Sexton gesticular com nenhuma das suas jogadas. Isto porque o Sr Vince não é um homem da televisão. E em verdade ele nem parece ser um jogador de torneios. É um jogador de cash games da Internet, e neste terreno é considerado por muitos como sendo dos melhores do mundo.

Quando não se encontra ocupado a aumentar o seu império de negócios, pode ser encontrado a jogar 25-50 e 50-100 NL na ULTIMATE BET onde batalha com os mais respeitados jogadores do mundo com o nick "Green Plastic". Na FULLTILT POKER joga com o nick "Tay". Com apenas 23 anos já tem mais sucesso que a maioria dos adultos. Um jogador de poker online como Taylor Caby é um produto dos nossos dias, e este jovem está numa excelente fase do seu jogo.

* * * *

Bernard Chapin (PokerNews): Taylor gostaria de começar pela tua história. Os leitores concordarão que a tua ascensão foi muito repentina. Basicamente era um vulgar Manuel que atirou $35.00 online com um cartão de crédito. Uns anos mais tarde dás por ti como um personagem de um vídeo de rap. Podes dar uma sinopse rápida da tua vida aos nossos leitores?

Taylor Caby: logo a seguir à pergunta, "quanto dinheiro já ganhaste", esta é a pergunta mais frequente que as pessoas me colocam. Gosto de falar sobre isto porque sou a prova que com talento e muito trabalho podemos fazer algo do nada. Tinha $4,000.00 no meu nome quando acabei o 1º ano da universidade. Sempre fui bem orientado, e disse à minha mãe que queria ter $20,000.00 quando acabasse o curso. Pensei que seria óptimo acabar o curso com tanto dinheiro e aí já poderia alugar o meu próprio espaço e ser completamente independente. Durante a minha vida sempre trabalhei por tudo aquilo que tive.
A minha família é da classe média/alta, mas sempre tive trabalhos durante o Verão desde muito jovem. O meu ponto aqui é demonstrar que sempre ganhei todos os centavos que tenho, e isso não é uma coisa de que todos se possam orgulhar. Aprendi a jogar poker com a minha família durante o Natal. Mas no entanto nunca me deixaram jogar até ao liceu. Deveria agradecer aos meus pais o facto de me oferecerem dois livros quando decidiram deixar-me jogar, para assim poder apoiar o meu jogo. Após ler ambos (acabei os dois no dia de Natal) decidi ir à biblioteca no dia seguinte e requisitar 5 ou 6 livros de poker que li em poucas semanas. No liceu, eu e os meus amigos vimos o filme Rounders e decidimos jogar poker. Eu era no fundo o catalisador do jogo; normalmente jogávamos na mesa de poker do meu pai lá em casa (mesa muito boa). Jogávamos duas vezes por semana durante o liceu, e adquiri muita experiência assim.
Costumava fazer de caddie no Medinah Country Club onde também jogava poker. Durante o liceu cheguei a lá ir apenas para jogar poker. Depositei $35,00 online na ULTIMATE BET em Julho de 2003, depois de ter perdido $50 na POKERROOM. A partir daí nunca mais depositei (tive de fazer alguns re-investimentos de lucros, mas nunca mais depositei do meu próprio dinheiro), e hoje em dia jogo essencialmente na ULTIMATE BET. Ia aumentando a minha banca aos poucos. Levei cerca de um ano e meio para passar de jogos $5 para $10,000 ou mesmo $20,000 (com banca adequada).

BC: Muitas pessoas conhecem-no como Green Plastic, que é o seu screen name na ULTIMATE BET. Qual a origem desse nome? Não será de uma linha de uma música dos Radiohead? Está espantado com o facto da escolha do seu nickname ter ajudado na sua notoriedade?

No colégio, eu realmente ouvia os Radiohead. A canção "Fake Plastic Trees" é uma das minhas favoritas de sempre, e um site não-oficial de apoiantes desta banda chamava-se GreenPlastic.com. Era hábito lá ir para me inteirar das últimas novidades da banda. O mais interessante é que as minhas duas primeiras escolhas para o nick eram o nome de duas músicas dos Radiohead que já estavam a ser usadas por outros jogadores, "No Surprises" e "Let Down". Enviei um email ao apoio do cliente da UB para me abrirem uma conta com estas três opções (não sabia se era permitido) e dei-lhes estas três opções. O rapaz que me devolveu o e-mail disse que o nome Green Plastic era meu e que também era fã dos Radiohead. Na minha opinião, qualquer desses três nomes ficariam bem, mas acho piada que o nome Green Plastic estivesse disponível e viesse a marcar para sempre a minha identidade no mundo do poker. Alguns dos meus amigos chamam-me de GP porque sabem que me pico por ser considerado apenas um miúdo que ganha a vida a jogar poker online.

BC: Isto leva-me a outro assunto. Quando digo às pessoas que prefiro jogar online do que na ao vivo, normalmente devolvem-me um olhar desconfiado. Dada esta resposta, como descreve a tentação do mundo online para as pessoas que estão do lado de fora? Prefere o poker online ao praticado numa sala de poker ao vivo?

TC: A razão porque gosto de jogar poker online é a conveniência. Se tiver uma hora livre durante o dia, posso ligar-me à Internet e jogar umas centenas de mãos. É bom interagir com pessoas quando se joga nos casinos, mas isto não compensa o facto de jogar mais mãos online em várias mesas ao mesmo tempo, e é mais conveniente. E normalmente também me aborreço quando jogo ao vivo, a não ser com os meus amigos ou numa mesa divertida.

BC: Diria que o poker é um jogo de sorte e azar? E se sim, e porque é uma forma única de jogo? Quais são as vantagens, por exemplo, em relação à roleta?

O poker também é um jogo de sorte ou azar. Contudo, é um jogo baseado nas capacidades dos jogadores com alguma sorte envolvida, ao contrário de jogos que são baseados 100% na sorte. Para os jogadores mais talentosos, jogar poker é parecido com os contadores de cartas no blackjack. Se contar cartas no blackjack (que é contra as regras e terá de sair do casino caso seja descoberto, porque no casino você não pode ganhar) não poderá ganhar todas as vezes, mas em média ganhará. É assim que vejo o poker. Sei que não irei ganhar todas as mãos, mas, após várias sessões, as minhas capacidades prevalecerão sobre a maioria dos outros jogadores, o que fará que ganhe a longo prazo. Outros jogos de casino como a roleta, craps, e máquinas de jogo não oferecem hipóteses aos jogadores de ganharem a longo prazo

Veja amanhã a 2ª parte desta entrevista onde Taylor irá falar da sua relação com o seu antigo rival Prahlad Friedman, e como é passar 24 horas sendo um jogador de poker.

Mais notícias

O que pensas?