Jogar Fora Par de AA

Jogar Fora Par de AA 0001

Caso ainda não saiba, o poker é um jogo onde se pretende maximizar os lucros (quando se tem a melhor mão) e minorar as percas (quando não se tem a melhor mão). Se me recordasse das últimas 100 mãos em que tive AA, chegaria à conclusão que apenas ganhei 60% das vezes. Mas é altamente benéfico se conseguir encontrar uma mão que consiga ganhar assim tão frequentemente. Mas o número de vezes que ganhou é de alguma forma irrelevante. O que realmente interessa é quanto é que ganhei e perdi com essa mão.

Recordo-me de uma noite em que um meu adversário personifica muito bem o que acabei de escrever. Ele fez raise de uma posição média e eu fiz call com QJ. O flop trouxe Kh-J-3h. Ele apostou e eu fiz raise. Só o queria testar um pouco. Ele pensou por uns instantes e fez call. No turn veio um 7h, ele fez check e eu igualmente. No river o 9d pareceu-lhe que eu acabara de completar uma sequência. Ambos fizemos check no river e ele mostra AA. No total ele só me ganhou 4 pequenas casadelas com o seu super favorito AA. Ele simplesmente colocava os travões muito facilmente.

Mais tarde nessa mesma noite, o mesmo jogador recebe AA. Ele fez raise no preflop e outros três jogadores fazem call. O flop veio com 10d-9d-8h. Depois de ele apostar, um jogador faz raise e o outro reraise. Ele foi até ao fim da jogada fazendo check e call, mesmo depois de ver uma Qd no turn e um repetido 10 no river. Pela acção no flop e turn é óbvio que um par de AA não teria hipóteses de ganhar este pot.

Quanto é que ele ganhou/perdeu? Quando jogou contra mim ele ganhou 4 pequenas casadelas. Quando jogou contra os outros dois jogadores ele perdeu cinco pequenas casadelas e duas grandes casadelas. Posto isto, e embora os AA tenham ganho uma e perdido outra mão, no geral ele perdeu dinheiro.

A longo termo olho para o lucro em vez do número de vezes que os meus AA irão ganhar. Para os maximizar, faço um enorme esforço para minimizar as percas quando vejo claramente que perco a mão. Ao fim do dia, se perder menos com os AA, então ganharei mais. Gostaria de discutir umas técnicas que você pode usar para determinar se é altura de fazer fold com um par de AA.

DEFINA A SUA MÃO PREVIAMENTE – QUANDO É BARATO FAZÊ-LO

Eis um pot que me aconteceu no outro dia. Estava contra um jogador extremamente conservador, que sabia o que faria numa determinada situação em Hold'Em. Chamemos-lhe de "X". Antes do flop o X fez raise de uma posição média depois de todos os jogadores terem feito fold. Eu coloquei o X num roubo de blinds com uma mão medíocre, por exemplo A-9 ou K-J. Um jogador liberal fez cal e eu fiz raise com os meus AA desde o button. Ambos os jogadores fizeram call. O flop trouxe Q-10-2. O X faz check, o outro jogador aposta e eu faço raise. O X faz-me reraise. O outro jogador e eu fazemos call. No tur, veio um 7 e o X continuou a apostar. O outro jogador fez call e eu fiz fold.

Agora, muitos pensariam que isto foi um grande fold da minha parte, mas na verdade não o foi. Eu conhecia bem o X e ele pôr-me-ia num KK ou AA no flop. Fazendo raise no flop e definindo a minha mão nestas primeiras rondas de apostas, forcei-o a sair da sua concha. Alguns jogadores consideram fazer check no flop e esperar por fazer um raise no turn. Mas eu penso que é melhor testar quanto valem os seus AA no flop, onde é mais barato. Fazer raise e reraise antes do seu adversário definir a sua mão. Quando ele aposta contra mim no turn (fora de posição), ele estava realmente despreocupado se eu iria fazer raise ou não. Mesmo que o X tivesse KK na mão, ele teria jogado de outra forma. Por isso tinha a certeza que os meus AA estavam batidos. O truque é que eu conhecia o meu oponente e recolhi toda a informação necessária no flop quando as apostas eram mais pequenas. Este é um bom hábito que se deve adquirir.

Umas noites mais tarde recebi AA e também tive dois jogadores a fazerem call até ao river. Nesse pot ganhei 6 pequenas e 4 grandes casadelas. No pot acima descrito perdi 6 pequenas casadelas. Por isso, no geral perdi uma e ganhei outra mão com um par de AA para um lucro de 4 grandes casadelas no total. Se eu decidisse fazer call ao X no turn e no river do pot de cima, estaria só com 2 grandes casadelas de lucro no total. A longo prazo, essa diferença é significativa.

NÃO APOSTE EM FLOPS PERIGOSOS EM POTS COM MAIS DE UM JOGADOR

Se tem AA num pot com 4 jogadores e o flop é J-10-9, não deverá apostar. Eu pessoalmente considero melhor fazer check neste caso, mesmo que esteja numa posição tardia e tenha chegado até si só com checks. É difícil esperar que alguém faça fold a uma possibilidade de sequência (mesmo que seja uma gutshot) neste flop particular. Depois quando decidir apostar, eles fazem bem em fazer call.

Mas se fizer call a esta mão, está a conseguir dois objectivos. Primeiro, você está a evitar desperdiçar apostas quando os seus oponentes completam a sequência no turn. Digamos que o turn é um 8 e há uma aposta e um raise à sua frente. Pode fazer fold muito facilmente e só lhe custou um raise no preflop. Não dê demasiada importância ao facto de assim ter evitado um check-raise por fazer isto.

O segundo objectivo é que você está a manipular o tamanho do pot para assim funcionar em seu favor no turn. Digamos que faz check após os seus adversários e sai um 4 no turn. Agora espero que um jogador de uma posição tardia aposte para assim eu poder fazer-lhe raise. Porque consegui manter o pot pequeno no flop, tornei catastrófico para um destes jogadores fazerem call se estiverem numa possibilidade de sequência no turn.

No turn, um jogador que tenha um 8 ou uma Q está a 4.75-1 para ganhar o pot no river. Se isto fosse $10/$20, estariam $80 no pot se eu tivesse feito check no flop. Se um jogador aposta e eu faço raise no turn, um jogador com 8 ou uma Q estaria com as pot odds de 120-40 ou 3-1. Mas um jogador que estivesse com possibilidade de sequência tiraria o pior disto se decidisse fazer call ao meu raise no turn. Odds à parte, normalmente um raise no turn tirará a maioria dos jogadores do pot que tivessem a possibilidade de sequência. Espero que o apostador tenha um par de Valetes com um bom kicker, que me deixaria com boas possibilidades de ganhar a mão no showdown.

ROCHAS OU JOGAFORES TÍMIDOS

Quer esteja envolvido num pot com um jogador tímido ou uma rocha de Gibraltar, tem de ter atenção se são eles a tomar a iniciativa de fazer raise. Tanto as rochas como os jogadores tímidos partilham de uma característica: eles recusam-se a comprometer muito dinheiro a não ser que tenham a certeza de poder ganhar mãos poderosas. Mostro-lhes dois pots que joguei: um mal e o ouro bem. No primeiro tinha AA e um jogador rocha fez call ao meu raise. O flop veio com K-7-3. Pus-me de joelhos e rezei para que ele tivesse A-K. Mas após alguns raises no flop, ele pôs-me e coçar a cabeça. No turn decidi apostar em primeiro lugar, Ele fez raise outra vez. Fiz call a esse raise e a uma aposta no river. Ele mostra 7-7. Perdi umas quantas apostas nesse pot quando deveria ter apercebido que a rocha fez-me raise mesmo depois de eu ter demonstrado que tinha um par de AA.

No outro caso deparei-me com um jogador novo no jogo, e enquanto ele via quase todos os flops, quase nunca fazia call a uma aposta no flop (um oponente perfeito) a não ser que a sua mão fosse massiva. Neste caso ele fez call ao meu raise desde uma posição tardia. O flop vem com 9-5-4. Eu aposto, um jogador a meu lado faz raise e ai o jogador tímido faz reraise a nós os dois. Os meus AA voaram para o muck mais rápido que uma bala, se conseguir imaginar isto no sentido figurativo. Nessa ocasião, eu estava 100% correcto em tomar esta opção.

Nota Ed: Voe você mais rápido que uma bala ao som da CD POKER.

Mais notícias

O que pensas?