Estratégia de Poker: Á Medida que o Jogo Evolui – Apostar no Turn

Estratégia de Poker: Á Medida que o Jogo Evolui – Apostar no Turn 0001

Fazes call a um raise na big blind contra um jogador em posição média com {8-Hearts}{7-Hearts}, e vês um flop {q-Hearts}{8-Diamonds}{6-Diamonds}. O teu oponente faz uma aposta decente, mas não tens a certeza que ele está á tua frente.

Provavelmente tens como 'outs' oitos e setes se estiveres atrás, e ainda podes fazer runner runner flush, e por esses motivos decides fazer call. O turn vem um fantástico 8s, que te dá um trio. Estão 2,000 no pot, a tua stack é de 6,000 e o outro jogador tem mais fichas que tu. O que fazer para tentar colocar todas as fichas no pot?

Este é o tipo de mão típica onde vemos os jogadores cometer erros. Muitos jogadores têm um estilo decente de apostar nas mãos standard, mas têm grandes falhas quando o turn muda a acção desta forma.

Nesta mão vamos assumir que o turn nos deu a liderança absoluta. Não há fichas suficientes em jogo para passarmos, e vamos jogar a mão apenas para valor.

Diferentes tipos de oponentes

A diferente decisão a tomar varia consoante o tipo de oponente que temos na mão:

Se o oponente é ao mesmo tempo muito agressivo e loose para sobrevalorizar as suas mãos, é provavelmente correcto fazer check. Ao ser loose pode querer dizer que sobrevaloriza mãos com KQ ou JJ, e acaba por "enforcar-se" com uma aposta. Ao ser agressivo também pode levar a que aposte os seus draws, e nesse ponto podemos pô-lo all-in. Ele pode ainda ser agressivo o suficiente para apostar num bluff – e este valor não conseguiríamos extrair da nossa mão ao apostar o turn.

No entanto, vais encontrar jogadores, na sua maioria próximos do bom e standard. Este tipo de jogadores faz uma continuation bet na maioria dos flops, mas raramente se atrevem a continuar no turn. Eles apostam de certeza os seus draws no flop, mas irão compreender que quando a board dobra no turn a sua oportunidade falhou. Eles sabem que a board é agora boa para nós, já que uma Q ou um 8 dá-nos a vitória e vão esperar pela oportunidade de terem uma free card no river com um check. Este tipo de jogador irá também tomar a opção correcta de fazer check com uma mão tipo KQ ou QJ de forma a abrandar a acção, e prevenir o facto de termos uma grande mão.

De forma resumida, o bom e standard adversário, dá-nos pouco sumo se fizermos check. Quando completamos o trio no turn, a nossa mão não fica suficientemente disfarçada para fazermos check.

Existe uma opção, muito mais "enganadora" que é fazer uma aposta bem alta. Uma aposta bem alta torna-se suspeita aqui. Não cometas o erro de fazer uma aposta tipo metade do pot porque o teu adversário poderá perceber que o queres dentro da jogada. Vamos agora considerar que tipos de mãos pode o nosso adversário ter, para ver como a acção decorre quando fazemos uma aposta do tamanho do pot, ou seja, 2,000 fichas:

Ficámos á frente quando ele tinha AQ ou KQ ou AA ou KK

Esta é a situação que mais desejamos. Considera a mão do ponto de vista do teu oponente – aquela aposta no turn faz com que seja difícil fazer fold. Parece que nos estamos a aproveitar do segundo 8 para fazer bluff numa mão em draw, e o nosso oponente vai certamente achar que a tua mão é boa. Neste caso ele vai, na grande maioria dos casos empurrar as suas fichas todas, para proteger a sua mão, e conseguimos cumprir o nosso objectivo.

Ficámos á frente quando o nosso adversário tinha JJ, 1010 ou 99

Esta é uma situação onde o nosso oponente vai fazer fold na maioria das vezes, mas não é assim tão simples para ele. Alguns vão pensar que estamos num bluff, e vão tentar tirar-nos da mão indo all-in. Isto seria um tremendo sucesso – porque é certamente a única forma de ficar com as fichas todas quando o nosso adversário tem um par de noves!

O nosso adversário tem um projecto (draw) de sequência ou cor no flop

Este é um cenário onde o check é um erro, já que damos a possibilidade ao nosso adversário de ter uma free card. Uma aposta alta não nos irá dar um grande pot contra este tipo de mãos, mas é o melhor que podemos fazer contra mãos tão perigosas. O nosso adversário não vai ter odds para fazer call, e por isso beneficiamos quer ele faça call ou fold.

Virando a mesa

O que é que esta mão nos diz do ponto de vista do nosso oponente? Vamos considerar a mesma board {q-Hearts}{8-Diamonds}{6-Diamonds}{8-Spades}, e perguntar o que devemos fazer se tivermos um draw com uma mão tipo {a-Diamonds}{10-Diamonds} ou {9-Diamonds}{7-Diamonds}?

A lógica está invertida, e por isso, a pior coisa que podemos fazer é uma aposta alta. Estabelecemos que o nosso adversário não irá acreditar em nós, por isso precisamos encontrar a quantia necessária de forma que ele possa acreditar na nossa aposta.

A melhor forma de começar é fazer check. Idealmente o nosso adversário vai apostar e podemos fazer check/raise. Esta é exactamente o tipo de jogada que os nossos adversários esperam quando o turn melhorou a nossa mão, ou se no flop fizemos um trio. É uma jogada que nos permite ganhar o máximo se formos bem sucedidos em obter um bet/fold por parte do nosso adversário, mas é uma jogada de alto risco.

Tem de se certificar que tem o tipo de oponente correcto para fazer esta jogada. Tem de ser suficientemente 'bom' para acalmar a acção e deduzir (erradamente) que está muito forte. Muitas vezes a aposta não é suficientemente alta para convencê-los que estamos fortes, já que muitos adversários consideram que já estão muitas fichas no pot para não continuarem na mão, mesmo sabendo que grande parte das vezes a sua mão está batida. No entanto, se tiver o adversário correcto, este check/raise é uma jogada muito forte.

Outra jogada inteligente pode ser liderar com uma aposta pequena. Aposta algo menos que metade do pote como que a pedir um call. Geralmente os adversários fazem call á primeira aposta mas poucas vezes á segunda. Dessa forma terás de te preparar para fazer bluff no river. Alguns jogadores 'bloqueiam' quando a sua aposta recebe um call, e falham em não continuar com o bluff. Tem cuidado ao avaliar a aposta no river, tem de ser suficientemente grande para incomodar o teu oponente, mas não grande demais que a torne suspeita de um bluff.

Nota Ed: Põe estas tácticas em prática quando jogares os bons torneios da Hollywood Poker!

Mais notícias

O que pensas?